Premier League

Clubes da Premier League se unem para fretar voo e acelerar volta de jogadores após Brasil x Uruguai

Nove atletas pegarão um voo direto para o Reino Unido após o duelo marcado para Manaus

Os clubes da Premier League que tiveram jogadores convocados pelas seleções de Brasil e Uruguai nesta Data Fifa resolveram unir forças. Aston Villa, Chelsea, Leeds, Liverpool, Manchester City e Manchester United fretaram um voo para acelerar o retorno de seus atletas para a próxima rodada do Campeonato Inglês. O avião levará nove atletas presentes no Brasil x Uruguai desta quinta-feira, partindo do aeroporto de Manaus logo depois do embate. A informação foi antecipada pelo jornal Daily Mail.

Os jogadores da Premier League que visitaram países da “lista vermelha” nesta Data Fifa ganharam permissões especiais do governo britânico. Eles ainda precisarão cumprir quarentena, mas poderão fazer tal procedimento nas instalações dos clubes e também estarão aptos para atuar nas próximas partidas de suas equipes. Todos eles precisam estar imunizados com duas doses da vacina.

Na última Data Fifa, os jogadores não foram liberados pelos clubes para os compromissos com suas seleções se precisassem cumprir o isolamento de dez dias em hotéis na volta ao Reino Unido. Porém, depois de uma negociação envolvendo clubes e federações com as autoridades sanitárias, as determinações foram abrandadas. Além disso, países como Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai deixaram a lista vermelha do governo britânico – com seus atletas dispensados da quarentena de dez dias. Passageiros saídos de Colômbia e Equador, em contrapartida, seguem sujeitos ao isolamento. Por isso, os atletas brasileiros que atuaram contra os colombianos em Barranquilla permanecem submetidos a tais obrigações.

Edinson Cavani, Fred, Raphinha, Ederson, Gabriel Jesus, Alisson, Fabinho, Thiago Silva e Douglas Luiz são os atletas envolvidos no voo fretado pelos clubes da Premier League. Representantes das equipes ainda discutem dividir os atletas em duas aeronaves, conforme o destino em que forem atuar na rodada do fim de semana. O Tottenham, por sua vez, arranja um voo para levar de volta Giovani Lo Celso, Cristian Romero, Davinson Sánchez e Emerson Royal – espalhados em três cidades diferentes.

O Liverpool tem o menor prazo entre os jogos. Os Reds enfrentam o Watford 35 horas depois do fim do jogo do Brasil contra o Uruguai. Manchester City, Manchester United, Leeds, Aston Villa e Chelsea também entram em campo no sábado. Já equipes como o Tottenham, o Newcastle e o Everton (também com atletas convocados pelas seleções sul-americanas) só atuam no domingo.

Na Data Fifa de setembro, um procedimento parecido foi realizado por La Liga. A organização do Campeonato Espanhol disponibilizou voos para que os atletas de seus clubes retornassem o quanto antes da América do Sul. Esses jogadores não precisaram cumprir quarentena. Todavia, pela falta de tempo hábil, jogos acabaram adiados – o mesmo ocorrerá na próxima rodada, com os compromissos de Real Madrid e Atlético de Madrid realocados para não atrapalhar a preparação dos dois clubes madrilenos à Champions League na terça-feira.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo