O início de temporada irregular do Arsenal ainda não foi suficiente para descartar Mikel Arteta como um dos mais promissores técnicos da nova geração do futebol europeu, mas já tem levantado desconfiança sobre a capacidade do basco. Lateral direito dos Gunners, Héctor Bellerín saiu em defesa do comandante, afirmou ver muitas coisas sendo feitas de maneira melhor no clube desde sua chegada e depositou seu voto de confiança de que Arteta pode reverter o momento ruim.

Em entrevista à BBC, Bellerín garantiu que os jogadores assumem a responsabilidade pela derrota mais recente na Premier League, contra o Wolverhampton, em casa, reiterando que a equipe sabe o que fazer para conseguir as vitórias, ainda que tenha errado contra os Wolves.

“Sabemos o que queremos fazer para vencer partidas e, se não fizermos, é nossa responsabilidade, porque talvez naquela partida (derrota em casa para os Wolves) nossa atitude não foi correta, ou nosso posicionamento não foi o correto. Isso é algo em que concordamos, e é importante que melhoremos”, apontou.

Bellerín ressaltou que o que Arteta tem tentado fazer não é simples e vai além de uma simples mudança em campo. Trata-se de uma transformação sobretudo cultural, algo que leva tempo. Do seu ponto de vista privilegiado, de quem está no dia a dia do clube, o espanhol afirmou ver os Gunners no caminho certo.

“Quando o Mikel chegou, sabíamos que era preciso uma mudança não apenas em termos de como jogamos, mas também de cultura e identidade. Dentro e fora do campo, isso não é algo que se conquista em um dia ou uma semana. É importante seguir em frente, porque, mesmo que os resultados não estejam vindo, estamos fazendo muitas coisas muito melhor. Eu realmente acredito que os resultados virão”, tranquilizou.

Se na Liga Europa tudo vai bem, com cinco vitórias em cinco jogos, na Premier League o Arsenal ainda tem dificuldades para se estabilizar. Após dez jogos, soma quatro vitórias, um empate e cinco derrotas, ocupando apenas a 14ª colocação. Mesmo que reconheça que os resultados domésticos não têm sido bons, Bellerín aponta para o início de trabalho de Arteta como prova de sua capacidade para estar onde está.

“A maneira como ele (Arteta) mudou as coisas depois do lockdown, vencendo a Copa da Inglaterra e a Community Shield, mostrou a capacidade que ele tinha como treinador. Quando você quer mudar toda a cultura do clube para o melhor, isso é algo que leva tempo. Mas eu realmente acredito que estamos no caminho certo, estamos plenamente com ele.”

Após a derrota para o Wolverhampton na rodada passada, o Arsenal confirmou seu pior início de Campeonato Inglês desde 1981. Buscando mudar sua sorte, os Gunners têm como próximo desafio uma grande oportunidade de dar início a uma reviravolta, mas ao mesmo tempo um risco de se afundar ainda mais em incertezas. No domingo (5), o time enfrenta, fora de casa, o arquirrival Tottenham, atual líder da Premier League. Um triunfo poderia ser uma forte mensagem a se passar para as semanas seguintes.