Inglaterra

No último amistoso de pré-temporada, Manchester United atropela o Everton de Benítez

Com três gols em 30 minutos, Diabos Vermelhos terminaram a preparação com uma goleada

O Manchester United terminou a sua pré-temporada com uma vitória contundente em amistoso contra o Everton, neste sábado, em Old Trafford. Os 4 a 0 conquistados diante do time agora comandado por Rafa Benítez teve um pouco do que pode vir a ser a equipe de Ole Gunnar Solskjaer, que ainda não tem todos os jogadores à disposição.

Rafa Benítez tem uma grande história ligado ao Liverpool e assumiu o Everton com muitos protestos dos torcedores. Ainda com protocolos de restrição, os torcedores puderam comparecer ao estádio e mais de 50 mil marcaram presença em Manchester, inclusive torcedores dos Toffees. Não houve gritos contra o treinador, mas ele sabe que terá que conquistar a torcida e vencer a desconfiança imensa que paira sobre ele.

O Everton não teve dois jogadores importantes de ataque. Richarlison estava com a seleção brasileira olímpica em Tóquio 2020, em seu 15º jogo pela seleção, contando também a Copa América, e conquistou o ouro. Dominic Calvert-Lewin está com uma lesão no pé. O United ainda não tinha nem Jadon Sancho, nem Raphaël Varane, os dois contratados.

O United começou forte e marcou três gols em 29 minutos. Mason Greenwood marcou o primeiro gol, depois de uma falha do goleiro Jordan Pickford, em recuo de Lucas Digne, aos oito minutos. Aos 15, Herry Maguire marcou o segundo gol e Bruno Fernandes, em cobrança de falta, marcou o terceiro. Herry Maguire marcou o segundo gol e Bruno Fernandes, em cobrança de falta, marcou o terceiro. Nos acréscimos do segundo tempo, já com os times bastante mudados, o lateral português Diogo Dalot marcou o quarto dos Red Devils.

O Everton começa a sua temporada na Premier League no próximo sábado, 14 de agosto, contra o Southampton. O Manchester United estreia no mesmo dia, contra o Leeds United.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo