InglaterraPremier League

Klopp: “Quando conheci Pelé, eu só conseguia ficar tremendo”

O Liverpool é um dos times que estão nos Estados Unidos participando da competição amistosa Champions Cup. Até o momento, os comandados de Jürgen Klopp enfrentaram o rival Chelsea e o algoz Milan, tendo vencido apenas a partida contra os italianos. Ao longo desta pré-temporada, além de fazer suas loucuras, como colocar o terceiro goleiro como atacante, o treinador dos Reds tem concedido entrevistas excelentes. No entanto, as últimas boas declarações do técnico não foram dadas à jornalistas propriamente ditos. O LFC TV, canal dedicado ao Liverpool, pediu que crianças entrevistassem Klopp. O resultado não poderia ter sido mais divertido.

VEJA TAMBÉM: Klopp: “No dia que futebol for gastar £ 100 milhões em um jogador, não trabalharei mais”

“Na verdade, eu não tenho um preferido. Mas meu pai me deu um conselho quando eu era bem jovem. Ele disse que não importava o que alguém me dissesse no futuro. Era para eu não esquecer que Pelé é o melhor”, disse o técnico alemão quando perguntado quem era, a seu ver, o melhor jogador de futebol de todos os tempos. “Conheci ele uma vez. Não costumo ficar nervoso, mas naquele momento eu só conseguia ficar tremendo. Ele é uma pessoa maravilhosa”, complementou. Klopp tinha apenas dez anos quando Pelé encerrou sua carreira no futebol. Mesmo assim, talvez não seja mesmo preciso ter observado o jogador em atividade para se certificar de sua eficiência e grandeza.

Antes de se tornar comandante técnico, Klopp era zagueiro. Passou a maior parte de sua vida como jogador do Mainz, clube em que marcou 52 gols em pouco mais de uma década. Mas poucos deles foram de pênalti, segundo o treinador conta. Uma das garotas presentes questionou o alemão qual conselho ele daria para jovens cobrarem pênaltis com sucesso. “Ter um plano para isso faz sentido. Há um ângulo na rede que o goleiro não consegue alcançar a bola. O problema é a pressão que você sente em uma cobrança de pênalti. Eu não costumava participar de muitas cobranças, mas nunca perdi um quando cobrava. Você só precisa focar no seu plano”, afirmou o técnico.

A melhor parte da entrevista com a criançada, sem dúvidas, foi quando um pequeno torcedor dos Reds perguntou a Klopp quem era melhor: Jürgen Klopp ou Jürgen Klinsmann. O treinador do Liverpool caiu na gargalhada. “Eu não sei. Nós nos encontramos algumas vezes. Gosto dele. É um cara legal. Então, não existe uma batalha entre nós. Nós dois podemos ser bons ao mesmo tempo porque treinamos times diferentes”, respondeu, em tom descontraído. Mas não mais do que a cena que sucedeu essa resposta. Klopp começou a fazer a dança que Sturridge costuma fazer para comemorar seus gols. “Não consigo parar, esse é o problema”, disse , movimentando os braços. Como ele poderia negar um pedido desses vindo de uma pequena fã?

Klopp ainda mostrou carisma aos torcedores mirins falando sobre Emma, sua cachorrinha de estimação e afirmando que ganhar seu primeiro título como técnico do Liverpool significaria tudo para ele. Também demonstrou que é um verdadeiro fã de Celine Dion, já que assistiu a um show da cantora com sua família em Las Vegas e contou que adorou. O assunto foi parar até em uma viagem que o elenco dos Reds fez à Alcatraz, uma ilha onde se localiza uma prisão de segurança máxima. Tudo discutido em um clima de recreação, já que se tratavam de crianças conduzindo a entrevista. “Vocês são o melhor bando de jornalistas que já conheci”, finalizou o treinador.

TRIVELA FC: Conheça nosso clube ganhe vantagens e faça a Trivela ainda mais forte

Mostrar mais

Nathalia Perez

Jornalista em formação trabalhando a favor de um meio esportivo mais humano. Meus heróis sempre foram jogadores de futebol, mas hoje em dia são muito mais heroínas.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo