InglaterraPremier League

Kane quer ser um dos melhores do mundo e é isso que o Tottenham precisa para brigar pelo título

Harry Kane não surgiu como um furacão, como o seu apelido de “Hurricane” sugere. Precisou passar por alguns times por empréstimo antes de voltar ao Tottenham e ganhar o espaço. Um destes clubes justamente o Leicester, que agora figura como o grande concorrente dos Spurs na disputa pelo título. A primeira temporada do atacante brilhando foi ótima, com 21 gols marcados, mas um resquício de dúvida permanecia. Será que ele conseguiria manter o nível? Será que não era um jogador de uma geração só? A esta altura da temporada, a oito rodadas do fim, o Tottenham briga pelo título e um dos motivos é que Kane. Foram dele os dois gols contra o Aston Villa na vitória por 2 a 0. Gols que deram a vitória e a artilharia ao atacante, junto com Jamie Vardy.

LEIA TAMBÉM: Lukaku ampliou o arrependimento do Chelsea, ainda mais com o descontrole de Diego Costa

Os dois gols contra o Aston Villa levaram Kane a 19 na Premier League e 22 gols na temporada em todas as competições. A boa fase da qual Jamie Vardy desfruta nesta temporada já foi a de Kane na temporada passada. Depois de um ano de sucesso, a cobrança é para manter o ritmo. E os gols. Kane está mantendo, apesar do início lento. Passados alguns meses, ele rompeu a barreira de 20 gols, algo que para ele é muito importante. “Houve muita conversa no começo da temporada, mas os melhores jogadores do mundo encontram formas de vencer os desafios e marcar 20, 30 gols, temporada após temporada”, disse Kane. “É onde eu quero estar”, ele continuou. “Eu quero ser um dos melhores atacantes e eu sei que eu tenho que encontrar formas de marcar gols que são diferentes da temporada passada porque provavelmente recebo mais atenção do que ano passado”, explicou.

“Os defensores ficaram mais duros este ano. Quando fico em posição para chutar, há dois ou três marcadores tentando bloquear o chute. Esta é uma das coisas que eu notei e definitivamente vejo pequenas diferenças em relação à temporada passada. Mas é assim que é. Se você quer ser um jogador que marque gols todos os anos na Premier League, você tem que ser capaz de lidar com isso”, declarou, ainda, o camisa 10 do Tottenham. “Ainda há alguns jogos para o final, então eu espero me manter marcando gols e ver quantos eu consigo até o fim da temporada”, disse.

Na temporada 2014/15, Kane marcou 21 gols na Premier League, só três a mais do que tem agora. Uma marca alcançável para o jogador, que chegou à 31 somando todas as competições. Esta já é uma marca mais difícil de ser alcançada. O maior feito que Kane pode alcançar nesta temporada, porém, é muito maior: conseguir o título. O Leicester faz uma campanha histórica, mas se tem alguém com chance de tirar o título das mãos dos Foxes é o Tottenham. E precisará, realmente, de Harry Kane no seu melhor para isso. Para vencer o desafio e ultrapassar o Leicester, não pode mais haver tropeço. E, para isso, será preciso a versão de Harry Kane que ele quer ser, de um dos melhores atacantes do mundo.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo