InglaterraPremier League

Invictos, United e Chelsea se enfrentam no Old Trafford

Manchester United e Chelsea fazem o clássico desde fim de semana. O estádio Old Trafford receberá o confronto entre as duas equipes neste domingo, em partida válida pela quinta rodada do Campeonato Inglês. É o confronto de dois times que não perderam nesta temporada. Enquanto os Red Devils lideram a Premier League com 100% de aproveitamento, tendo conquistado 12 pontos, o Chelsea está em terceiro na classificação com dez.

Nos últimos três confrontos (uma pelo Inglês e duas pela Liga dos Campeões), o United saiu com a vitória nos três jogos. Além disso, o time de Manchester tem outro retrospecto a seu favor: a invencibilidade em casa, nos jogos da Premier League. Os Red Devils estão sem perder nos últimos 23 jogos do Campeonato Inglês, realizados no Old Trafford. A última derrota na competição jogando em seu próprio estádio foi no dia 3 de abril de 2010, quando perdeu por 2 a 1 para o Chelsea.

Para esse confronto, os donos da casa terão os desfalques de Tom Cleverley (tornozelo), Nemanja Vidic (panturrilha), Danny Welbeck (músculo posterior da coxa) e Rafael (ombro). Rio Ferdinand é dúvida por conta de uma lesão no músculo posterior da coxa. Já o time londrino não poderá contar com Didier Drogba (concussão) e Michael Essien (joelho), enquanto Hilário (quadril) e Ross Turnbull (panturrilha) são dúvidas.

André Villas-Boas afirmou que não está pressionado pelo fato de ser o primeiro grande adversário a enfrentar desde que assumiu o Chelsea. “Tudo o que acontecer neste jogo não significará nada. Isso afeta mais a motivação do time que vencer ou das duas equipes se empatarmos”, disse o treinador português. “Um técnico que é julgado depois de cinco jogos da temporada, não há nada de errado com ele, e sim com as pessoas que dirigem os clubes.”

Villas-Boas declarou ainda não existir uma rivalidade com Alex Ferguson. “Acho que não podemos ser reduzidos a dois treinadores que estão se enfrentando. A nossa importância no jogo é mínima. É para os jogadores explorarem os talentos deles e desfrutarem a partida.”

Ao ser questionado sobre quem começará como títular no ataque (Fernando Torres ou Nicolas Anelka), o treinador dos Blues respondeu: “Vamos esperar e veremos”.

Alex Ferguson, por sua vez, elogiou André Villas-Boas. “O novo treinador começou bem. Para um jovem que acabou de chegar ao Chelsea, é um grande desafio. É uma responsabilidade difícil na idade dele, mas, quando você vai para um novo clube, você espera ter uma resposta imeadiata. Ele teve isso.”

Ferguson ressaltou ainda o favoritismo do Chelsea neste campeonato. “Eles estarão lá até o fim da temporada. Não há dúvida sobre isso. No momento, os dois times de Manchester estão desfrutando da publicidade que vem da previsão de que eles estão entre os favoritos da liga.”

“O Chelsea está escondido. Eles não precisam de publicidade. Eles estão gostando de estar de fora entre os favoritos neste momento”, continuou o treinador dos Red Devils. “Será um jogo fantástico. As partidas entre os dois times nos últimos sete anos têm sido muito apertadas. Normalmente, a diferença é de um gol e será bem difícil no domingo.”

Outros jogos

O Arsenal, que vem de uma vitória por 1 a 0 sobre o Swansea, visitará o Blackburn no sábado. Os Gunners, que ocupam a 12ª colocação com quatro pontos, terão os desfaques de Sébastien Squillaci (panturrilha), Thomas Vermaelen (tendão de Aquiles), Abou Diaby (tornozelo) e Jack Wilshere (panturrilha). Ryo Miyaichi (panturrilha), Aaron Ramsey (tornozelo) e Tomás Rosicky (joelho) são dúvidas. Do lado do Blakcburn, os Rovers poderão ter as ausências de David Dunn (panturrilha), Ryan Nelsen (joelho) e Morten Gamst Pedersen (músculo posterior da coxa).

No domingo, Tottenham e Liverpool se enfrentam no White Hart Lane. Os Spurs ocupam a 15ª colocação com três pontos, já os Reds estão em sexto com sete pontos. O time londrino não poderá contar com os lesionados Sandro (joelho), Rafael van der Vaart (músculo posterior da coxa) e  Michael Dawson (tendão de Aquiles), enquanto Willian Gallas (panturrilha), Tom Huddlestone (tornozelo), Ledley King (joelho), Aaron Lennon (virilha) e Steven Pienaar (virilha) são dúvidas. No Liverpool, estão no departamento médico Steven Gerrard (virilha), Fabio Aurélio (tendão de Aquiles) e Glen Johnson (músculo posterior da coxa). Martin Kelly, com uma lesão no músculo posterior da coxa, também pode ser desfalque.

No outro jogo deste domingo, o Manchester City, que está com 100% de aproveitamento na Premier League, jogará em Londres contra o Fulham

Confira a quinta rodada do Campeonato Inglês:

Sábado, 17/set
Blackburn x Arsenal
Aston Villa x Newcastle
Bolton x Norwich
Everton x Wigan
Swansea x West Bromwich
Wolverhampton x Queens Park Rangers

Domingo, 18/set
Tottenham x Liverpool
Fulham x Manchester City
Sunderland x Stoke City
Manchester United x Chelsea
 

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo