Copa da InglaterraInglaterra

Este vídeo mostra como os nove anos de jejum do Arsenal duraram uma eternidade

Quem não riu não vai rir mais. Depois de nove anos sem uma conquista sequer, o Arsenal voltou a dar um grito de campeão, com a suada conquista da Copa da Inglaterra neste sábado. Por tanto tempo, os Gunners tiveram de ouvir gozações de rivais pela longa fila e pelas quedas de rendimento em momentos importantes de outras temporadas. Por tanto tempo Arsène Wenger teve sua competência questionada, às vezes até por colegas, como José Mourinho, que o chamou de “especialista em fracassos” recentemente. Se nove anos é um período longo na vida de qualquer um, imagine se esse for o espaço de tempo em que você não comemorou nenhum título de seu time? Uma eternidade, como comprovado por esse vídeo.

>>> Fim do jejum do Arsenal foi trepidante, mas dá início a uma nova realidade

Nele, são destacados alguns números e acontecimentos desde a última vez que o Arsenal havia vencido alguma coisa – justamente a Copa da Inglaterra, em 2005. O vídeo mostra o número de conquistas dos principais rivais dos Gunners, as estatísticas de Lionel Messi, que marcou quase 400 gols no período, relembra algumas transferências que contabilizaram £ 250 milhões, com destaque negativo para o talentoso André Santos, e recorda até mesmo que, desde então, Pep Guardiola foi atleta e treinador do Barcelona, levou 14 troféus pelo clube espanhol, tirou um ano sabático e ainda assumiu o Bayern de Munique para conseguir ainda mais conquistas. Nove anos é, de fato, um longo período, mas ainda maior é o alívio que Wenger deve estar sentindo neste momento.

Mostrar mais

Leo Escudeiro

Apaixonado pela estética em torno do futebol tanto quanto pelo esporte em si. Formado em jornalismo pela Cásper Líbero, com pós-graduação em futebol pela Universidade Trivela (alerta de piada, não temos curso). Respeita o passado do esporte, mas quer é saber do futuro (“interesse eterno pelo futebol moderno!”).

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo