Inglaterra

Chelsea condena ameaças de morte ao árbitro

O Chelsea divulgou comunicado oficial nesta quinta-feira condenando quaisquer ameaças feitas ao árbitro Tom Henning Ovrebo, que apitou a partida de volta das semifinais da Liga dos Campeões contra o Barcelona.

Segundo a imprensa local, o norueguês teria sido vítima de ameaças de morte via internet, e teria deixado o país em segredo, escoltado pela polícia, tendo sido advertido para trocar de hotel.

“Após reportagens locais afirmando que o árbitro teria sido vítimas de ameaças após o jogo de ontem à noite, o Chelsea Football Club gostaria de deixar claro que condena toda e qualquer forma de ameaça contra jogadores, oficiais ou torcedores”, dizia nota do clube.

“Se confirmado, o Chelsea tomará severa atitude contra os torcedores que compraram o talão de ingressos da temporada, ou membros participantes na atividade. Todos ligados ao Chelsea estão muito decepcionados com os eventos de ontem à noite. No entanto, gostaríamos de salientar que não há evidências que os torcedores do Chelsea estão envolvidos em qualquer ameaça.”

Os torcedores ingleses se irritaram copm o pênalti a favor de seu time que o árbitro não concedeu, apesar de muitas reclamações, durante o empate em 1 a 1 que deu vaga ao Barça na final. Vários jogadores, especialmente o atacante Didier Drogba, se mostraram indignados com o juiz após o empate.

Leia também:

Drogba pode ser punido pela Uefa por reclamar de árbitro

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo