Holanda

Melhoras, Van Gaal: técnico da Holanda revela que sofre com câncer de próstata desde 2020

O treinador de 70 anos disse que passou por 25 tratamentos e está otimista com o prognóstico

O técnico da seleção holandesa, Louis van Gaal, 70 anos, afirmou neste domingo que foi diagnosticado com uma forma agressiva de câncer de próstata em 2020 durante entrevista a um talk show para promover o filme “Louis” que entrará em cartaz nos cinemas holandeses em 14 de abril.

O cineasta Geertjan Lassche seguiu Van Gaal nos últimos três anos, conversando sobre a carreira e a vida familiar de um dos técnicos mais importantes dos últimos 30 anos e, segundo Van Gaal, houve uma ponderação para incluir ou não a doença que ele vinha tratando escondido.

“Geertjan Lassche não filma apenas o treinador, mas também a pessoa por trás do treinador. Então você tem a escolha: mostra ou não? Acho que isso faz parte da vida. Passei por tanta coisa na minha vida com morte na minha família, com minha esposa (Fernanda, Obbes, para câncer de pâncreas, em 1994). Provavelmente me tornei mais rico em minha vida como ser humano por causa de todas essas experiências. Achei que isso também deveria estar no filme”, disse, segundo a Voetbalzone.

Van Gaal contou que passou por 25 tratamentos com irradiação desde o ano passado e era necessário fazer um esquema especial para que ele pudesse continuar mantendo a doença em segredo. Em agosto daquele ano, o técnico veterano abandonou a aposentadoria para começar sua terceira passagem pela Holanda, após a demissão de Frank de Boer.

“Fui autorizado a entrar pela saída dos fundos e fui imediatamente empurrado para outra sala. Tive um ótimo tratamento. Você diz isso para amigos e parentes, e isso diz algo sobre minha família, que eles mantiveram em segredo. Durante meu período como técnico, eu ia ao hospital todas as noites, sem que os jogadores soubessem”, afirmou o técnico, otimista com o seu prognóstico.

“Olha, você não morre de câncer de próstata, pelo menos não em 90% dos casos. Geralmente são de doenças subjacentes que você morre. Mas é uma forma agressiva. Preciso de muito gerenciamento para passar pela vida. Eu tenho uma força de vontade incrível para continuar. Este grupo de jogadores é um presente em uma idade avançada”, acrescentou.

Van Gaal disse que preferiu não tornar sua doença pública mais cedo para não influenciar os seus jogadores, que conseguiram classificar a Holanda para a Copa do Mundo do Catar.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo