Holanda

Fênix Ajax massacra o Heerenveen e já vislumbra bicampeonato

Expulsão do Heerenveen a três minutos. Atuação massacrante e três gols de Siem de Jong para o Ajax. Em poucas palavras, podemos resumir assim o que foi a vitória dos Ajacien nesta quarta-feira, que permitiu abrir três pontos de vantagem na ponta da tabela, em uma disputa que o primeiro e o sexto eram separados por quatro pontos. Não mais. Agora são sete, depois dos 5 a 0 desta tarde.

Isso depois de um início de campanha ruim, que deixou o time longe da briga pelo título no início do campeonato. A diferença para os líderes chegou até a ficar em 11 pontos, mas esteve em cinco por muitas rodadas. Na 20º, por exemplo, o Ajax era apenas o sexto colocado, a oito pontos do líder Twente. Nove rodadas depois, o time lidera com três pontos de vantagem.

A expulsão de Brian Vandenbussche foi absolutamente decisiva para a partida. Com praticamente o jogo todo com um homem a mais, o Ajax precisava apenas jogar o que sabe para ser vencedor, mesmo jogando fora de casa. E o time foi até mais do que isso. Mostrou força e decidiu o jogo ainda no primeiro tempo.

Theo Janssen, de pênalti, abriu o placar para o Ajax aos seis minutos. Aos 19, Ismail Aissati ampliou. Siem De Jong fez 3 a 0 quando o relógio não marcava nem 30 minutos do primeiro tempo. O jogo estava decidido. O camisa 10 do Ajax, porém, ainda marcou mais duas vezes: aos 46 do primeiro tempo e aos 18 do segundo. Placar de 5 a 0, goleada, liderança e título próximo depois de iniciar a temporada mal e ver o AZ disparar no início de 2012.

Viés de alta em Amsterdã e de baixa em Eindhoven e Roterdã

O dia para o Ajax foi tão bom que além de golear ainda viu seus rivais tropeçarem feio. O Feyenoord ficou no 0 a 0 com o Roda fora de casa e perdeu a chance de embolar ainda mai a disputa. O título está mais distante de Roterdã, que viu o time quase ser rebaixado na temporada passada.

Em Eindhoven, a frustração foi ainda maior. O time foi derrotado fora de casa pelo RKC Waalwijk por 2 a 1 e também viu suas chances de título diminuir. Os dois gols do time da casa que deram a vitória vieram em um espaço de dois minutos. Aos dez da etapa final, Sander Duits fez 1 a 0. Aos 12, Mitchell Schet fez 2 a 0. Jan Vennegoor of Hasse link ainda diminuiu aos 41, mas essa foi o máximo que o PSV chegou perto de uma reação.

O time tem 61 pontos e o AZ, segundo, tem 58. O Twente tem 56 e o Feyenoord tem 55. PSV e Heerenveen têm 54 pontos cada um. Restam cinco rodadas para o fim da Eredivisie.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo