França

Rivière rouba gols e espaço de Falcao no Monaco

O Monaco gastou € 60 milhões em Falcao García e o colombiano vem correspondendo. Marcou dois gols na primeira dupla de rodadas do Campeonato Francês. O maior destaque do clube neste começo de Ligue1, no entanto, é um jogador que foi contratado ainda na segunda divisão. O atacante Emmanuel Rivière marcou três vezes contra o Montpellier, neste domingo, e já tem quatro gols na temporada.

Mesmo dentro de campo, Rivière ocupa espaço que naturalmente seria de Falcao. O jogador de 23 anos caiu pela direita algumas vezes, mas jogou na grande área, como centroavante. Obrigou o colombiano a receber a maioria das bolas na intermediária, como se fosse um armador. Atuou longe do gol adversário.

O caso é parecido com o de Nenê, no Paris Saint Germain. O clube da capital fez suas primeiras contratações milionárias na temporada 2011/12, mas o artilheiro foi o brasileiro, com 21 gols em 35 jogos na Ligue1. Aos poucos, e com a chegada de outros reforços, ele foi perdendo espaço e está no Al-Gharafa, do Catar.

No Atlético de Madrid, o brasileiro Diego Costa também poderia ser alguém que atrapalharia Falcao, mas acabou se adaptando e virando um segundo atacante. Evidentemente, Falcao também precisa se habituar e o mesmo pode acontecer com Rivière. A contratação do colombiano também foi uma afirmação de que o Monaco não vai poupar esforços, e euros, para se tornar um dos times mais fortes da Europa, mas  já havia um artilheiro dentro do próprio elenco. Talvez o dinheiro pudesse ter sido usado para reforçar outras posições.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo