FrançaLigue 1

O PSG precisa ter umas aulas de finalização com o Ajaccio

Pela segunda rodada consecutiva, o Paris Saint-Germain fez feio na Ligue 1. E, desta vez, diante de sua torcida. Os atuais campeões franceses sofreram muito para arrancar o empate por 1 a 1 contra o Ajaccio e seguem sem vencer na competição. O alívio só veio aos 41 minutos do segundo tempo, graças ao herói Edinson Cavani. O jogador mais caro da temporada acertou um lindo chute no ângulo e comemorou seu primeiro gol pelos parisienses, na primeira partida como titular.

Os números do PSG na partida impressionam, e de maneira negativa. É difícil questionar o poder de fogo do ataque, que conta com Zlatan Ibrahimovic, Edinson Cavani, Javier Pastore, Lucas e Ezequiel Lavezzi – que entrou apenas no decorrer da partida. No entanto, a situação muda de rumo quando a equipe, que teve 81% de posse de bola, finaliza 37 vezes em 90 minutos – uma a cada dois minutos e 26 segundos – e só balança as redes uma vez.

Ibrahimovic, sozinho, chutou a gol 11 vezes. É verdade que o goleiro Guillermo Ochoa realizou ótimas defesas e que o travessão barrou duas tentativas de Thiago Silva. Ainda assim, não há desculpa Principalmente quando se nota que o Ajaccio deu UM MÍSERO ARREMATE, de Benoit Pedretti, que acabou nas redes. Aproveitamento de 100%. Uma aula de eficiência para os homens de frente do PSG, não?

Chutes de Ajaccio e PSG (Fontes: Squawka e WhoScored)
Chutes de Ajaccio e PSG (Fontes: Squawka e WhoScored)

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo