Copa da FrançaFrança

No último lance, Cornet deu a vitória ao Lyon com um gol de falta cirúrgico

O sofrimento do Lyon para avançar aos 32-avos de final da Copa da França não deveria ser orgulho para qualquer time. Visitando o tradicional Nancy, atualmente na segunda divisão, os Gones abriram vantagem e permitiram a virada dos alvirrubros. No entanto, a classificação teria contornos emocionantes. E muito por conta de Maxwell Cornet, autor de um gol de falta literalmente no último lance da partida. Aos 49 do segundo tempo, decretou a vitória por 3 a 2 e possibilitou um lance para ser lembrado por muito tempo pelos torcedores.

Nabil Fekir, sempre ele, deixou o Lyon de vantagem no primeiro tempo. Anthony Robic e Arnaud Nordin viraram para o Nancy num intervalo de apenas quatro minutos, entre os 26 e os 30 do segundo tempo. Mas a reação dos Gones viria em cima da hora. Primeiro, o zagueiro Marcelo empatou aos 42. E quando a prorrogação parecia inescapável, Cornet brilhou. A falta na entrada da área, quando os quatro minutos de acréscimo já estouravam, era uma excelente oportunidade. Ele não desperdiçou: bateu por fora da barreira, no canto inferior do goleiro, e ainda assim marcou. Valeu a comemoração efusiva e como a vaga na próxima etapa do torneio.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo