França

Lugano: “O racismo não existe na América do Sul”

Após outros companheiros de seleção uruguaia saírem em defesa de Luís Suárez após o caso de racismo contra Patrice Evra, Diego Lugano também se manifestou ao lado do compatriota. Segundo o defensor do Paris Saint-Germain, a federação inglesa tratou o atacante do Liverpool de forma hipócrita.

“O caso todo é problema de diferenças culturais. Suárez é vítima de hipocrisia. Não entendo a atitude de Evra de acusá-lo dessa maneira”, disse, em entrevista ao jornal L'Equipe.

“A seleção apóia Suárez nesse tema. Companheiros negros, como Álvaro Pereira e Abel Hernández, falaram em favor de Luís. É preciso entender que o racismo não existe na América do Sul. Nós estamos sofrendo com os problemas que existem aqui, na Europa. Creio que foi um exagero”, completou.

Vale lembrar que Lugano foi titular na partida entre São Paulo e Quilmes pela Copa Libertadores de 2005, quando o zagueiro Leandro Desábato dirigiu palavras racistas ao atacante Grafite.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo