Europa

Saiu a tabela do Escocesão 2016/17. E tem time que não está nada satisfeito

Por @brunocassali *

Reclamar do calendário fuebolístico é de praxe em todo o mundo. Entretanto, algo inusitado movimentou a sexta-feira no Reino Unido, dia do anúncio da tabela da próxima Scottish Premier League. A expectativa da volta do Rangers à primeira divisão aumentou o burburinho em torno do anúncio dos jogos: será em 10 de setembro que o atual pentacampeão Celtic irá receber o eterno rival na volta ao convívio dos grandes clubes, em jogo válido pela quinta rodada da competição.

LEIA MAIS: Torcedores até acampam e, em apenas um dia, Celtic vende 41 mil carnês de temporada

Mas um problema causado pela formatação da tabela é, no mínimo, inusitado. Outro time de Glasgow na primeira divisão, o Partick Thistle encabeçou a reclamação contra a federação nacional. De acordo com os Jags, a federação escocêsa sempre mantivera um acordo de que os clubes iriam receber e visitar Rangers e Celtic de forma igualitária. Como a SPFL tem três turnos, era de se esperar que os outros 10 times recebessem um dos gigantes por duas vezes como mandantes.

Não é bem isso que está proposto na tabela divulgada hoje. Motherwell, Hamilton e Partick Thistle só receberão a dupla do Old Firm uma vez cada, enquanto Hearts, Dundee e Inverness Caley Thistle farão dois jogos diante de Celtic e Rangers em seus domínios. Em nota oficial, a direção do Partick afirmou que a federação não deu nenhuma explicação para o ocorrido. Diz a nota: “A direção do clube quer afirmar sua frustação e indignação com o calendário de 2016-17 anunciado pela SPFL nessa sexta, que causará ao clube e outros dois concorrentes um prejuízo esportivo e uma desvantagem financeira na temporada que está por vir”.

A Escócia tem 12 clubes na elite futebolística. Por isso, a solução encontrada para que cada clube tenha 38 jogos garantidos por temporada foi dividir a tabela no meio após três turnos. Em turno único, os seis primeiros disputam as vagas europeias e o título, enquanto os seis últimos lutam contra o rebaixamento. Todavia, não se pode garantir a Motherwell, Partick Thistle e Inverness CT que eles estejam no mesmo grupo de Celtic e Rangers após 33 rodadas.

De acordo com dados financeiros do clube, o prejuízo financeiro de ter apenas dois jogos como mandante versus Celtic e Rangers pode ser de até £ 120 mil (equivalente a R$ 600 mil).  O Partick prometeu que, caso a SPFL não reconsidere a tabela, o departamento jurídico do clube irá acionar a federação nacional para obter uma compensação financeira. A SPFL, que se manisfestou durante todo o dia nas redes sociais sobre as datas dos principais confrontos da próxima temporada, ainda não comentou a reclamação do Partick Thistle.

A outra novidade da temporada em relação ao calendário será a parada de inverno. Os times terão um intervalo de 28 dias sem jogos pelo campeonato nacional após o último dia de 2016. Sim, na Escócia teremos jogos em 31 de dezembro. E não é qualquer jogo: pela 21ª rodada, o Old Firm voltará a Ibrox no último dia do ano.

Confira os jogos da Primeira Rodada da Scottish Premier Football League (dia 06.08, às 15h (Horário Britânico, 11h no Brasil):

– Hearts x Celtic, Tynecastle, Edinburgh

– Rangers x Hamilton, Ibrox, Glasgow

– Ross County x Dundee, Victoria Park, Dingwall

– St. Johnstone x Aberdeen, McDiarmid Park, Perth

– Kilmarnock x Motherwell, Rugby Park, Kilmarnock

– Partick Thistle x Inverness CT, Firhill Stadium, Glasgow

Datas dos clássicos Old Firm entre Celtic e Rangers:

– Celtic x Rangers, Celtic Park, Glasgow – 10.09, 5ª rodada

– Rangers x Celtic, Ibrox, Glasgow – 31.12, 21ª rodada

– Celtic x Rangers, Celtic Park, Glasgow – 11.03.2017, 28ª rodada

* Bruno Cassali (@brunocassali) é Jornalista desde 2008, trabalhou na imprensa esportiva do Brasil até 2014 e vive em Edimburgo, capital da Escócia, desde Janeiro de 2015.

 

 

Mostrar mais

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo