Europa

Sem técnico, gigante turco mira em homem de confiança de Klopp

Pep Lijnders, que também deixará o Liverpool ao término da temporada, vem recebendo sondagens de outros clubes europeus

Com a eminente saída de Jürgen Klopp ao término da temporada, o Liverpool perderá uma comissão técnica inteira. Entre os nomes que deixarão o clube está o de Pep Lijnders, considerado o principal auxiliar do treinador alemão. Internamente, Lijnders é muito elogiado por jogadores e diretoria. Sua qualidade acima da média, inclusive, tem chamado a atenção de times espalhados pela Europa. O último a demonstrar interesse nos serviços do holandês foi o Beşiktaş.

O clube turco está em busca de um novo treinador após passagem frustrante de Fernando Santos, demitido na última semana. E segundo o “The Athletic”, Pep Lijnders é um forte candidato a assumir o cargo. O profissional de 41 anos, que pretende seguir sua própria carreira de técnico, avalia as sondagens recebidas até então e adota cautela antes de embarcar num novo desafio.

O Ajax é outro clube que considera investir em Lijnders. Decepção na atual temporada, a equipe holandesa nomeou John van ‘t Schip como técnico interino após a saída de Maurice Steijn no início de 2023/24. Contudo, não o manterá no cargo. A ideia é contratar um novo treinador, e Lijnders, como citado, é um dos nomes em pauta.

Quem é Pep Lijnders?

Pep Lijnders nunca jogou futebol profissionalmente. Ele começou a carreira no PSV, em 2002, atuando no desenvolvimento de jovens. Quatro anos depois, acertou com o Porto. Em Portugal, realizou a mesma função, mas também passou a ajudar os técnicos do time principal dos Dragões.

Lijnders se destacou no Porto e, ao lado de Brendan Rodgers, se transferiu para o Liverpool em 2014. O holandês permaneceu nos Reds mesmo após a partida de Rodgers. Em 2018, ele deixou Anfield para assumir o comando do NEC Nijmegen, clube de seu país. Todavia, a aventura não deu certo. Pep durou apenas cinco meses no cargo e não conseguir fazer a equipe deixar a 2ª divisão rumo à Eredivisie.

Após passagem frustrante no Nijmegen, Lijnders foi chamado de volta ao Liverpool. Klopp lhe ofereceu o cargo de treinador adjunto e, desde então, ele é responsável por supervisionar o programa de treinamento dos Reds.

Ficar no Liverpool não é uma opção para Lijnders

Dias depois de Klopp anunciar sua saída, cresceram rumores na imprensa inglesa de que Pep Lijnders pudesse suceder o alemão no clube. Entretanto, o próprio holandês desmentiu o boato e garantiu que não há nenhuma chance disso acontecer.

– Não. Fui muito claro, para ser honesto. Quando tivemos a conversa há muito tempo, para mim ficou claro. Facilitou para mim quando ele (Klopp) disse: ‘vai ser isso’. Já sabíamos no verão. ‘OK, vamos para o final deste projeto’ -, afirmou Lijnders em coletiva de imprensa no final de fevereiro.

– Então conversamos, recebi as ofertas do ano passado e meu coração diz que sim, mas minha lealdade, respeito e amizade com Mike (Gordon) e Jurgen disseram ‘não’. No momento em que conversamos, concordamos em terminar esse projeto juntos, então eu irei e administrarei (…) Sinto que é o projeto de muita gente. E é a maneira certa de fazer assim (…) Estou animado para administrar. Buscar o clube certo que realmente me queira. Mas até o final da temporada estou focado no Liverpool.

Foto de Guilherme Calvano

Guilherme Calvano

Apaixonado por futebol, uniu o amor pelo esporte mais popular do mundo ao jornalismo. Carioca da gema e grande entusiasta da Premier League, cobriu o Flamengo no Coluna do Fla e o Chelsea no Blues of Stamford. Na música, vai de Post Malone a Armandinho. Eclético assim como na área técnica. Afinal, Guardiola e Mourinho são suas referências.
Botão Voltar ao topo