Conference League

Terem Moffi anotou um dos gols mais sensacionais da temporada no animado Basel 2×2 Nice

Moffi virou uma bicicleta contra as redes do Basel e assinou um dos gols mais bonitos da temporada

A Conference League ofereceu uma rodada de ida nas quartas de final com grandes partidas. E o duelo mais imprevisível aconteceu na Suíça, onde o Basel recebeu o Nice dentro do St. Jakob Park. Foi uma partida de alternâncias entre as equipes, com bons momentos para os dois lados e muitas oportunidades. Os anfitriões acabaram por buscar o empate por 2 a 2, que diminuiu o prejuízo antes do reencontro na França. Entretanto, o grande destaque foi o segundo gol das Águias, anotado por Terem Moffi. O atacante acertou uma acrobacia impressionante na bola, num gol de placa que certamente marca sua ascendente carreira.

Moffi é uma das revelações da temporada francesa. O atacante passou a primeira metade da Ligue 1 no Lorient, com o qual anotou 12 gols nas primeiras 19 rodadas e auxiliou o time a figurar até na vice-liderança. O Nice não quis esperar muito tempo e assegurou em janeiro o empréstimo do nigeriano de 23 anos, com obrigação de compra por €22,5 milhões na próxima temporada. Já são quatro gols e duas assistências em oito partidas pelo Francesão com o novo time. Mas nada comparado com o impacto na Conference, primeiro com um dos gols da classificação contra o Sheriff Tiraspol, agora com outros dois diante do Basel.

O Nice tentou se impor de início, mas o Basel imprimia um ritmo mais forte e se deu melhor para abrir o placar. Num pênalti, Zeki Amdouni venceu Kasper Schmeichel na marca da cal aos 26 minutos. A reação das Águias pelo menos não demorou. O empate surgiu na sequência de uma cobrança de falta, em que Moffi aproveitou a bola viva na área e bateu mascado para vencer Marwin Hitz. Já a virada foi a obra de arte do nigeriano, aos 46. Numa bola por elevação, Gaëtan Laborde ajeitou para o meio da área e Moffi virou sua acrobacia. Foi um movimento plástico, perfeito, no qual o centroavante fuzilou a bola e não deu chances de defesa. Um dos gols mais belos da temporada, certamente.

O segundo tempo até recomeçou com certa pressão do Nice, sem sucesso nas tentativas. O Basel cresceu com o passar dos minutos e passou a exigir boas defesas de Kasper Schmeichel, que chegou a operar um milagre com a pontinha do pé. Entretanto, o empate ocorreu aos 26. Amdouni apareceu sozinho na área para desviar de cabeça o cruzamento de Mitchell Lang e igualou a contagem. O Nice ainda não desistiu do resultado e voltou a responder no fim, agora com Hitz salvando com lindas defesas diante de Laborde. E os goleiros fariam mesmo a diferença, com Schmeichel negando o tento a Dan Ndoye nos acréscimos.

O resultado ainda soa mais favorável para o Nice. A equipe de Didier Digard teve uma boa postura no St. Jakob Park e agora poderá buscar a classificação diante de sua torcida, na Allianz Riviera. De qualquer maneira, por aquilo que apresentou, o Basel permanece no páreo e possui talentos capazes de surpreender, a exemplo de Amdouni. Fica a expectativa de outro jogaço na próxima semana. Quem sabe, com um gol tão sensacional como o de Moffi.

Foto de Leandro Stein

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreveu na Trivela de abril de 2010 a novembro de 2023.
Botão Voltar ao topo