O conquistou um bom resultado contra a , no primeiro duelo pelas oitavas de final da Champions League. Dentro do Estádio do Dragão, os lusitanos abriram dois gols de vantagem e a impressão é de que os italianos até deram sorte, descontando o placar em 2 a 1 no final, quando o prejuízo poderia ter sido maior. Depois da partida, o capitão falou com a imprensa. O veterano deu destaque à preparação orientada por Sérgio Conceição, com uma estratégia bem traçada pelo técnico para sufocar a Velha Senhora – e que deu resultado.

“Estudamos bem o adversário. Tivemos quatro dias para nos preparar ao jogo, algo que já não tínhamos há muito tempo. Não fizemos só recuperação física, e a equipe assimilou muito bem o que o treinador pediu. Tentamos pôr em prática essa mesma pressão alta que o treinador pediu. Não podíamos deixar a Juventus jogar. Era um jogo muito importante e todos nós comparecemos”, declarou Pepe, na saída de campo.

Pepe também viu uma evolução no time em relação às partidas recentes: “Neste tipo de jogos, é complicado sofrer gols em casa. Mas fizemos um grande jogo, tudo o que faltou contra o Boavista houve neste jogo. Os meus companheiros estão de parabéns, pela concentração, pela consistência e pelo respeito demonstrado pelo adversário. Está tudo em aberto, trabalhamos como uma equipe, como este clube exige. Agora é olhar para o futuro”.

Por fim, Pepe falou sobre a oportunidade de enfrentar , seu companheiro de longa data na seleção portuguesa e também nos tempos de Real Madrid: “É sempre especial reencontrar com Ronaldo. Tenho um carinho imenso por ele, ele sabe isso. Mas hoje o mais importante é a primeira vitória do Porto contra a Juventus na história do clube”.

Pepe teve boa atuação no miolo de zaga do Porto, em noite apagada do ataque da Juventus. Cristiano Ronaldo encontrou dificuldades e finalizou apenas uma vez ao longo da partida, em tiro defendido pelo goleiro Agustín Marchesín. O duelo particular será uma das atrações no reencontro em Turim, especialmente pela pressão que os juventinos terão que exercer para reverter a situação.