Champions League

Pipocada? Haaland e De Bruyne pediram para não bater pênaltis na eliminação do City

Manchester City foi eliminado em casa pelo Real Madrid nas quartas de final da Champions League

Manchester City e Real Madrid fizeram dois grandes jogos pelas quartas de final da Champions League. Na ida, os times empataram por 3 a 3 na Espanha, e na tarde desta quarta-feira, novo empate, por 1 a 1 no Eithad Stadium na Inglaterra. Nem mesmo a prorrogação foi suficiente para tirar a igualdade do placar e a decisão na vaga para a semifinal foi decidida nas cobranças de pênalti. Na série decisiva, melhor para o time madrilenho, que venceu por 4 a 3.

A torcida do Manchester City, esperançosa para ver seu time em mais uma semifinal de Champions League, observou que dois dos seus principais jogadores não bateram os pênaltis. Kevin de Bruyne, autor do único gol do time inglês no jogo de volta, e o artilheiro Erling Haaland, que não fez a melhor de suas apresentações, acabaram pedindo a substituição alegando cansaço. O treinador espanhol revelou a solicitação de troca de seus atletas em entrevista coletiva pós-jogo.

— Manu [Akanji], Erling e Kevin me pediram para sair. Eles não tinham condições de continuar — explicou Guardiola.

Guardiola valoriza desempenho do City apesar da eliminação

Bernardo Silva e Kovacic desperdiçaram suas cobranças durante a série pelos lados do Manchester City, enquanto somente Modric perdeu o pênalti pela equipe do Real Madrid. Ainda durante a entrevista, Guardiola elogiou seus atletas, valorizando o desempenho coletivo, mas lamentando as chances não convertidas durante o tempo normal e na prorrogação. O Manchester City finalizou 33 vezes, acertando o alvo em nove oportunidades.

— Tenho de agradecer a estes jogadores do fundo do meu coração, pela forma como jogaram. Futebol é ganhar e não fizemos o suficiente, mas fomos excepcionais. Às vezes, você pode ganhar nos pênaltis, e às vezes não. No jogo, não convertemos as chances que tivemos, apesar de termos defendido muito bem. Todos se apresentaram em alto nível. Dissemos que teríamos de estar no nosso melhor para enfrentar o Real Madrid, e eles foram melhores — complementou o treinador do Manchester City.

Por que Haaland e De Bruyne pediram para sair do jogo contra o Real Madrid?

  • O belga marcou o gol de empate do Manchester City aos 31 minutos do segundo tempo, e alegando cansaço pediu para sair do jogo, impossibilitando sua participação nas cobranças de pênalti;
  • O mesmo vale para Haaland, que não fez uma boa partida, finalizou cinco vezes durante o jogo e pediu para sair na virada do segundo tempo para o início da prorrogação;
  • Manchester City e Real Madrid ficaram no empate por 1 a 1 no jogo de volta das quartas de final da Champions League, na ida, os times empataram por 3 a 3;
  • Com novo placar igual, a decisão foi para a prorrogação, que manteve o placar inalterado, e posteriormente para os pênaltis;
  • Na série decisiva, o Real Madrid levou a melhor, venceu por 4 a 3 e se classificou para a semifinal da Champions League.

 

Foto de Lucas de Souza

Lucas de Souza

Esse é Lucas de Souza, redator e repórter do Futebol na Veia e da Trivela. Jornalista especializado em Marketing digital é também narrador do Portal Futebol Interior e da RP2Marketing.
Botão Voltar ao topo