Estados UnidosMLS

Lodeiro está fazendo a torcida do Seattle Sounders sonhar com o título da MLS

Nicolás Lodeiro começou 2015 no Corinthians e era titular com Tite na pré-temporada nos Estados Unidos. Mas saiu, foi para o Boca Juniors e se tornou destaque do time. Quase um ano e meio depois, foi contratado pelo Seattle Sounders, um dos times mais sedentos por um título da MLS, com uma torcida que abraça o time desde antes do tempo de chegar à principal liga do país. Desde que chegou aos Estados Unidos, Lodeiro é destaque, foi eleito a contratação da temporada e segue brilhando nos playoffs. Na noite de terça, ele ajudou o time a vencer por 2 a 1 o Colorado Rapids, melhor time da fase regular, no jogo de ida da final da Conferência Oeste.

LEIA TAMBÉM: Montreal cometeu trapalhadas fora e dentro de campo na final da Conferência Leste da MLS

O resultado foi conseguido a duras penas pelos Sounders. Jogando em casa, no CenturyLink Field, o time viu o Colorado abrir 1 a 0 logo a 13 minutos de partida, em um chute de Kevin Doyle que desviou na zaga e matou o goleiro. Com o apoio dos torcedores em um dos estádios mais barulhentos da liga – assim como é na NFL, com o Seattle Seahawks -, o time foi para cima e conseguiu empatar rapidamente.

Aos 19 minutos, veio então o empate. Depois de uma bola alta no meio-campo, Lodeiro ajeitou para Cristian Roldán, que dominou, carregou a bola e chutou de fora da área. O goleiro defendeu, mas Morris bateu de primeiro o rebote para mandar para a rede e colocar 1 a 1 no placar.

Conteúdos relacionados

O Colorado Rapids ainda teve uma boa chance para empatar, mas desperdiçou. Foi um dos poucos contra-ataques do time. O Seattle Sounders dominava o jogo e passou a criar chances. O time perdeu chances claras de gol, como uma cabeçada de Lodeiro e uma finalização de Nelson Haedo Valdez, da seleção paraguaia.

No segundo tempo, aos 14 minutos de partida, veio o lance decisivo. Lodeiro pegou uma bola que sobrou na área, foi mais rápido que o zagueiro e acabou derrubado. Pênalti. Ele mesmo cobrou com categoria e marcou 2 a 1, o gol da virada dos Sounders em campo.

O Sounders, que sempre se marcou pela estabilidade e o bom trabalho de gestão fora de campo, fez uma rara mudança de técnico nesta temporada. Demitiu Sigi Schmid, que estava no comando do time desde a temporada 2009, antes mesmo da MLS. Brian Schmetzer, assistente técnico, virou o técnico interino. O time então trouxe Nicolás Lodeiro, o desempenho melhorou e o interino virou o técnico efetivo da equipe.

Não dá para separar a melhora de desempenho da chegada de Lodeiro à equipe. Na temporada regular, foram 13 jogos, quatro gols e oito assistências. Nos playoffs, quatro jogos, quatro gols. Decisivo e tornando o time mais perigoso no ataque.

A vantagem do Seattle Sounders é pequena e o jogo de volta é no estádio do Colorado Rapids, que, é bom  reafirmar, foi o melhor time da fase regular. Uma vitória por 1 a 0 já classifica o time. O Seattle Sounders, porém, e a sua torcida apaixonada esperam poder chegar à decisão do título, pela primeira vez, sob o comando do seu novo craque uruguaio.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo