Espanha

Vitor Roque acusa árbitro que o expulsou de fala xenofóbica

'Aqui não é como o Brasil', teria dito o árbitro Juan Martínez Munuera ao atacante Vitor Roque no momento da expulsão

A contestável e polêmica expulsão do brasileiro Vitor Roque no último sábado (3), na vitória do Barcelona sobre o Alavés por 3 a 1, ainda rende na Espanha. Nesta sexta-feira (9), o atacante revelou ao jornal catalão Mundo Deportivo que o árbitro Juan Martínez Munuera teria justificado o segundo cartão amarelo com o argumento que o país europeu “não é como o Brasil”, uma declaração xenofóbica. O jogador também explicou sua intenção no lance.

– No começo não entendi [o cartão], era uma jogada em que o zagueiro veio em minha direção com o pé na frente e quando o vi tentei virar o pé para não bater nele e não me machucar. Mas o jogador começou a gritar e o árbitro me mostrou o cartão amarelo. Ele me disse: ‘aqui não é como no Brasil‘. Ele disse isso, que isso não é como o Brasil, que não foi falta e eu simplesmente respeitei a decisão e saí de campo.

O brasileiro entrou em campo aos 13 minutos da etapa final no lugar de Ilkay Gündoğan. Roque não demorou muito para brilhar: menos de quatro minutos depois, apareceu na área para bater cruzado após passe do jovem Hector Fort e superar o goleiro Antonio Sivera. No entanto, pouco depois, ao tentar correr nas costas da defesa adversária, chocou-se com o lateral-direito Nahuel Tenaglia e foi amarelado. Na sequência, foi dividir com o zagueiro Rafa Marín, que deu um carrinho e Vitor triscou na perna do defensor, o suficiente para ser expulso pelo acúmulo de cartões. Segundo o jogador, especialmente o segundo cartão amarelo foi injusto.

– Acho que o cartão amarelo foi injusto, pelo menos o segundo, e agora tenho que cumprir a sanção. A decisão foi dos árbitros, o Barça tentou apelar de todas as formas, então não tenho escolha a não ser cumprir a sanção e me preparar para o próximo jogo – desabafou.

O Barcelona apelou e tentou reverter o vermelho na Comissão de Apelações, que negou o pedido, por unanimidade, por entenderem que não houve um erro claro e manifesto.

Com a suspensão, Roque não estará em campo neste domingo (11), quando o Barcelona recebe o Granada pela 24ª rodada de La Liga.

– Sim, sim [fico irritado], porque queria estar em campo para ajudar os meus companheiros como vinha ajudando, mas agora tenho que manter a cabeça tranquila e continuar trabalhando – finalizou o brasileiro.

O vermelho interrompe uma ótima sequência de Vitor Roque, que tinha saído do banco nos dois jogos anteriores e marcado seus primeiros gols com a camisa azul-grená. Isso após início apagado, no qual perdeu algumas chances claras de tentos, mas também somado a poucos minutos dados pelo técnico Xavi Hernández.

Sorte ao Barça que, junto do brasileiro, o centroavante Robert Lewandowski tem, aos poucos, melhorado e repetido parte do desempenho da temporada passada. O polonês marcou cinco gols e distribuiu uma assistência nas últimas nove partidas. Ele provavelmente deve ser o titular do time no domingo ao lado de Lamine Yamal e Fermín López. O Barça enfrenta muitas lesões dos homens de frente e não pode contar com os atacantes João Félix, Ferran Torres e Raphinha.

Classificação de La Liga

LaLiga
# Seleção J V E D +/- Pontos
1 Athletic Bilbao

Athletic Bilbao

0 0 0 0 0 0
1 Atletico Madrid

Atletico Madrid

0 0 0 0 0 0
1 Osasuna

Osasuna

0 0 0 0 0 0
1 Leganes

Leganes

0 0 0 0 0 0
1 CD Alaves

CD Alaves

0 0 0 0 0 0
1 Espanyol

Espanyol

0 0 0 0 0 0
1 Barcelona

Barcelona

0 0 0 0 0 0
1 Getafe

Getafe

0 0 0 0 0 0
1 Girona

Girona

0 0 0 0 0 0
1 Rayo Vallecano

Rayo Vallecano

0 0 0 0 0 0
1 Celta Vigo

Celta Vigo

0 0 0 0 0 0
1 Mallorca

Mallorca

0 0 0 0 0 0
1 Real Betis

Real Betis

0 0 0 0 0 0
1 Real Madrid

Real Madrid

0 0 0 0 0 0
1 Real Sociedad

Real Sociedad

0 0 0 0 0 0
1 Valladolid

Valladolid

0 0 0 0 0 0
1 Sevilla

Sevilla

0 0 0 0 0 0
1 Las Palmas

Las Palmas

0 0 0 0 0 0
1 Valencia

Valencia

0 0 0 0 0 0
1 Villarreal

Villarreal

0 0 0 0 0 0
Foto de Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius AmorimRedator

Nascido e criado em São Paulo, é jornalista pela Universidade Paulista (UNIP). Já passou por Yahoo!, Premier League Brasil e The Clutch, além de assessorias de imprensa. Escreve sobre futebol nacional e internacional na Trivela desde 2023.
Botão Voltar ao topo