Champions LeagueEspanhaEuropaFrança

Última rodada terá um Barcelona x PSG espetacular e com franceses em vantagem

Lionel Messi tornou-se o maior artilheiro da história da Champions League na goleada sobre o Apoel por 4 a 0. Foram três gols dele, chegando a 74 no total e superando Raúl, que ficou com 71. Uma vitória categórica do Barcelona, mas esperada. O time precisará mesmo de Messi e de seus astros na última rodada da fase de grupos da Champions League. O Paris Saint-Germain, que venceu o Ajax em casa por 3 a 1 no Parc des Princes, jogará no Camp Nou por um empate para ficar com a primeira posição do grupo. Uma situação que o Barça não se acostumou a viver e que pode complicar bastante as coisas nas oitavas de final. Basta lembrar, por exemplo, que o time poderia ter que enfrentar o Bayern de Munique, por exemplo. O PSG sabe disso e também precisa evitar um duelo mais complicado já no primeiro mata-mata.

LEIA MAIS:
– Agüero afasta desastre na Champions, mas Manchester City ainda tem desafio pela frente
– Veja o primeiro gol de Suárez com a camisa do Barcelona
– Roma bobeia, deixa CSKA Moscou vivo na Champions League e terá que evitar eliminação em casa

O Barcelona teve em Messi a grande estrela contra o Apoel, mas teve também o primeiro gol de Luis Suárez pelo clube. E foi um golaço. Os três gols de Messi serviram não só para o argentino entrar mais uma vez na história com uma marca importante, mas também para tirar essa questão da frente e se concentrar no mais importante: vencer na rodada final.

O PSG sabe enfrentar o Barcelona e complicou muito o duelo das quartas de final de 2011/12, quando caiu nos gols fora graças a um empate por 1 a 1 no Camp Nou – tinha empatado por 2 a 2 em Paris. Com dois anos a mais de rodagem e uma eliminação bastante dura contra o Chelsea na mesma fase, quartas de final, na temporada passada, o PSG parece talhado para um duelo mais complicado com o Barcelona, ainda mais tendo a vantagem. Com um ponto a mais, pode se dar ao luxo de empatar para garantir a vaga na primeira posição.

Esse se desenha como o grande duelo da última rodada. Os dois times estão classificados, ao contrário do que acontece com Roma e Manchester City, que farão outro duelo espetacular com cara de mata-mata. Mas Barcelona e PSG são times que já mostraram capacidade de ir mais longe e brigam pelo título. Sim, pelo título. O PSG já pode entrar na disputa com os grandes times do continente e mostrou isso nas duas temporadas que disputou a Champions League.

O Barcelona é o mesmo dos últimos anos: fortíssimo e com alguns dos maiores craques do futebol mundial, sendo um deles Lionel Messi, já na galeria dos maiores da história. Zlatan Ibrahimovic, que voltou marcando um dos gols contra o Ajax, sabe que precisa de um título da Champions League para a sua já vencedora carreira. E ficar em primeiro facilita muito isso para o duelo seguinte. O PSG tem muitos bons jogadores no seu elenco. Então, é ficar ligado. Esse confronto certamente vai ser de arrepiar.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo