Espanha

Segue aberto

Três de maio. Nesse dia, se nada de excepcional acontecer até lá, acontecerá a definição do Campeonato Espanhol. No Estádio Santiago Bernabéu, pela 34a rodada da competição, o Real Madrid receberá o Barcelona. Um dos maiores clássicos do mundo mais uma vez será decisivo para definir o campeão espanhol.

Neste final de semana as duas equipes demonstraram, mais uma vez, que estão sobrando. Ao mesmo tempo que seus resultados convencem, os adversários que poderiam sonhar em fazer frente à dupla apenas tropeçam, acumulam maus resultados e um futebol sem objetivos. Assim, culés e merengues seguem a passos largos para o grande confronto.

Quem primeiro entrou em campo foi o Real, que recebeu o Almería do goleiro brasileiro Diego Alves. Aparentemente, o técnico Juande Ramos encontrou sua formação favorita e isso tem dado consistência ao time.

A defesa, com Sergio Ramos pela direita e Heinze pela esquerda voltou a ficar forte, já que Cannavaro e Pepe se deram muito bem no miolo da zaga. Referir-se a Casillas é desnecessário. Logo à frente, Lassana Diarra deu a segurança que Juande queria para liberar mais seus extremos, além de contar com a criatividade de Snejder no meio para a armação de jogadas e ligação defesa-ataque.

Abertos, Robben e Marcelo têm sido fundamentais. O holandês, quando consegue ficar longe das lesões, tem momentos de craque. Já o brasileiro teve a sorte de, finalmente, um treinador europeu perceber que ele não rende como lateral no 4-4-2 jogado no Velho Continente. Por suas características ofensivas e fragilidades defensivas, tinha que atuar como meia pelas laterais, mesmo.

Com essa formação o Real atropelou o Almería. A dupla de ataque formada por Raúl e Huntelaar marcada cada vez mais gols. No domingo foi a vez do holandês fazer mais dois – Marcelo inaugurou o placar, que acabou em 3 a 0.

Mais tarde o Barcelona entrou em campo no Camp Nou de certa forma pressionado. Afinal, a diferença na liderança havia caído para três pontos com a vitória madrilena. Bom, se havia uma pressão, ela foi rapidamente pulverizada por Messi e companhia.

Mais uma vez com seu 4-3-3 característico desta temporada, Pep Guardiola fez o Barcelona atacar do início ao fim o Málaga, equipe postulante a uma vaga na próxima Liga dos Campeões. Foi uma avalanche de gols. Ainda empolgados com a classificação para as quartas-de-final da LC e o esperado confronto com o Bayer de Munique, os jogadores do Barça fizeram 4 a 0 ainda na primeira etapa. Xavi, Messi, Henry e Eto'o fizeram a festa.

Esses quatro, inclusive, explicam muito bem a temporada fantástica do clube. O espanhol comanda o meio-campo do time com extrema habilidade na armação e efetividade nos desarmes. O francês voltou à velha forma, que se não é a mesma dos tempos de Arsenal, está longe de ser a do ano passado, quando foi muito criticado. Já o camaronês se tornou uma máquina de fazer gols e tem 25, artilheiro máximo.

Por fim, Lionel Messi merecia uma coluna inteira sobre seu futebol. Kaká tem todo marketing ao seu redor. Cristiano Ronaldo ganhou o prêmio de melhor do mundo recentemente. Ibrahimovic, Rooney, enfim, todos vivem grande fase, mas ninguém no mundo se compara hoje ao meia argentino. Messi alia uma forma física espetacular com habilidade fora do comum. Ele é o grande nome do Barcelona e principal jogador do futebol mundial na atualidade.

Para não esquecer de fechar a conta, Daniel Alves e Eto'o novamente definiram a goleada do Barça por 6 a 0 sobre o Málaga, que enterra de vez o mau momento que o time viveu há algumas semanas.

Faltando dez rodadas para o término da Liga espanhola, o Barcelona lidera com 69 pontos, seis a mais que o Real Madrid. Até a partida decisiva entre os dois, cada um ainda entrará em campo em cinco oportunidades.

Seguindo a tabela do campeonato, adversários quase idênticos para os postulantes ao título. Os culés jogam com Valladolid (F), Recreativo (C), Getafe (F), Sevilla (C) e Valencia (F). Já os merengues encaram Málaga (F), Valladolid (C), Recreativo (F), Getafe (C) e Sevilla (F). Alguém crava um campeão?

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo