AlemanhaArgentinaBrasilBundesligaCampeonato BrasileiroCopa da AlemanhaCopa da FrançaCopa da InglaterraCopa do ReiEspanhaFrançaHolandaInglaterraItáliaLeste EuropeuMéxicoSerie A

Rodada de campeões nas copas pela Europa, além dos clássicos no Rio e em SP

A temporada europeia se aproxima cada vez mais do fim. E, exceção feita a Barcelona e Juventus, mais alguns dos principais clubes do continente ganham férias a partir deste final de semana. A rodada especial será repleta de campeões, com a decisão das copas nacionais. Um sábado que se promete inesquecível na Alemanha, na Espanha, na França e na Inglaterra. Já na Itália, onde a Juventus faturou a copa na semana passada, o que se decide é uma vaga na Champions, na “final” que Napoli e Lazio prometem ao Estádio San Paolo.

O jogo da Serie A é um dos principais do domingo, com boas pedidas também no Brasileirão. Afinal, Rio de Janeiro e São Paulo terão clássicos tensos, com Corinthians x Palmeiras e Fla x Flu. Para quem quiser se divertir um pouco mais, há também a abertura do Mundial Sub-20. E até uma rebarba na segunda-feira, com o Hamburgo correndo o risco de seu primeiro rebaixamento na história. Confira o roteiro do final de semana:

>>> Veja a programação de TV completa

O jogão

Felipe Anderson comemora o seu gol pela Lazio

Napoli x Lazio
Domingo, 15h45 (Fox Sports)

Dentre as principais ligas da Europa, apenas a Serie A segue na ativa. E com uma partida que vale demais à parte de cima da tabela: o destino quis que Napoli e Lazio fizessem um confronto direto pela última vaga na Liga dos Campeões, em pleno San Paolo. Promessa de jogaço entre os times celestes. A Lazio até poderia ter carimbado sua classificação, mas a derrota para a Roma no clássico de segunda manteve a ameaça. Três pontos atrás, os napolitanos precisam de uma vitória simples, com vantagem nos critérios de desempate. Em recuperação no final do segundo turno, o time se despedirá de Rafa Benítez. Já do outro lado, os laziali não repetem o embalo do início do ano, ainda que Felipe Anderson siga em excelente fase para comandar a equipe.

Vale copa

Barcelona x Athletic Bilbao
Sábado, 16h30 (ESPN Brasil)

O Barcelona persegue sua Tríplice Coroa, e não pense que Messi, Neymar e Luis Suárez (que deve voltar ao time) amolecerão no título “menos importante” da temporada. O que não tira as chances do Athletic Bilbao, segundo maior campeão da história da Copa do Rei, que não levanta a taça desde 1984 – e pode se aproximar justamente dos blaugranas como maiores vencedores da competição, atualmente três conquistas atrás. Antes do jogo, o que mais promete é a recepção das torcidas, dois redutos separatistas, diante do hino espanhol. Em 2009 e em 2012, as vaias imperaram nas arquibancadas. Ambas com final feliz para o Barça, campeão no Mestalla e no Calderón, com a vantagem de jogar desta vez no próprio Camp Nou.

Germany Soccer Bundesliga

Borussia Dortmund x Wolfsburg
Sábado, 15h (ESPN)

Não espere nada menos do que um jogaço na final da Copa da Alemanha. Tanto Dortmund quanto Wolfsburg irão valorizar demais o troféu. Pode ser a última conquista de Jürgen Klopp, em sua despedida dos aurinegros, enquanto os Lobos buscam um título inédito, para ratificar a excelente temporada. Durante a Bundesliga, o Wolfsburg se deu melhor no confronto direto, com uma vitória e um empate. Mas não dá para menosprezar o ímpeto do Dortmund na batalha por seu quarto triunfo no torneio. Após eliminar o Bayern de Munique nas semifinais, diante do grande pedido de ingressos, a torcida promete replicar a Muralha Amarela no Estádio Olímpico de Berlim. Uma ótima prévia no palco que receberá a decisão da Champions em uma semana.

Arsenal x Aston Villa
Sábado, 13h (ESPN)

O Estádio de Wembley é o palco tradicional do mais antigo torneio de clubes do mundo, a Copa da Inglaterra. E a ferrenha procura por lugares nas arquibancadas só mostra como os torcedores valorizam a disputa. O Arsenal vem para sublinhar o bom ano que viveu, para Wenger ter uma conquista real após alcançar o seu “título” preferido nos últimos anos, a vaga na Champions. Em busca do bicampeonato, os Gunners podem se isolar como maiores campeões da história da FA Cup, com 12 taças – uma a mais que o Manchester United. Só não esperem vida fácil diante do Aston Villa. Apesar da temporada claudicante, a equipe engrenou sob o comando de Tim Sherwood e a torcida se empolga com a campanha na copa, já proporcionando cenas de loucura nas fases anteriores. Sete vezes campeões, os Villans tentam quebrar um jejum de 58 anos na competição.

Paris Saint-Germain x Auxerre
Sábado, 18h (Sportv)

O Paris Saint-Germain terá a chance de alcançar uma façanha inédita não apenas para o clube, mas em toda a história do futebol francês: a tríplice coroa nacional. Os parisienses já faturaram a Ligue 1 e a Copa da Liga. Agora, são favoritíssimos na final da Copa da França, diante do tradicional Auxerre, que neste ano fez uma medíocre campanha de meio de tabela na segunda divisão. Entretanto, os alviazuis vivem um sonho na copa e querem seu quinto troféu no torneio – todos conquistados desde 1994, o último deles em 2005. Já o PSG ainda não faturou a Copa da França desde que os investimentos do Catar começaram a jorram. O último de seus oito títulos veio em 2010, com um elenco bem mais modesto, estrelado pelos veteraníssimos Makélélé e Giuly.

Os jogos do desespero

ham

Karlsruher x Hamburgo
Segunda-feira, 14h (ESPN)

A semana pode começar com um resultado histórico na Bundesliga: o Hamburgo corre sérios riscos de ser rebaixado pela primeira vez desde que o campeonato nacional foi unificado, em 1963. Na primeira partida, os dinossauros buscaram o empate por 1 a 1 apenas no fim, tomando sufoco e duas bolas na trave dentro de casa. Terceiro colocado na segunda divisão, o Karlsruher terá a vantagem de jogar em seu estádio e do 0 a 0 no placar. Responsável por revelar nomes como Oliver Kahn e Mehmet Scholl, o clube soma 24 participações na Bundesliga, a última delas em 2009.

Motherwell x Rangers
Domingo, 11h

Para quem achava que o retorno do Rangers à primeira divisão escocesa seria fácil, se enganou. Depois de dois acessos seguidos, o clube de Glasgow viu a vaga direta na segundona ficar com o Hibernian. E, nos playoffs, precisará de muita força para reverter a situação no jogo final contra o Motherwell. O penúltimo colocado da elite venceu o primeiro duelo no Estádio Ibrox por 3 a 1. Poderá perder por até um gol de diferença que se mantém na primeira. Pior é que até os torcedores do Celtic devem estar torcendo para os Gers, esperando que os rivais voltem a fortalecer o Campeonato Escocês.

Os clássicos

Torcedores do Corinthians em Itaquera no jogo contra o Guaraní, do Paraguai (AP Photo/Andre Penner)

Corinthians x Palmeiras
Domingo, 16h (Premiere)

O clássico paulista vem como tábua de salvação para os dois rivais, diante do momento conturbado que vivem. Mas também pode ser a gota d’água para que a crise estoure de vez. O Corinthians começou embalado no Brasileirão, mas não convence e a perda de jogadores, em meio aos problemas financeiros, preocupa bastante os torcedores. Já o Palmeiras não tem justificado os investimentos e segue sem vencer na competição, apenas uma posição acima da zona de rebaixamento. A vitória em Itaquera será importante tanto para revigorar o trabalho de Tite quanto para aliviar as ameaças ao cargo de Oswaldo de Oliveira que já surgem.

Flamengo x Fluminense
Domingo, 18h30 (Premiere)

O caos também não difere muito no outro grande clássico da rodada do Brasileirão, que acontece no Maracanã. Após demitir Vanderlei Luxemburgo e empatar no meio de semana na Copa do Brasil, o Flamengo contará com a estreia de Cristovão Borges. Mais do que tirar o time do Z-4, o novo treinador precisa encontrar um padrão de jogo, diante do futebol pobríssimo nas três primeiras rodadas. Como trunfo, o comandante conhece muito bem o seu ex-clube. E não é que a situação do Fluminense esteja tão melhor assim. Embora tenha conquistado uma vitória, o Tricolor precisa ter consciência de que, com o elenco limitado que tem, o mais provável é que dispute apenas o meio da tabela.

O reencontro

marcos

Nigéria sub-20 x Brasil sub-20
Domingo, 22h (Sportv)

O Brasil possui cinco títulos do Mundial sub-20. E, após se ausentar de uma edição do torneio apenas pela segunda vez em 2013, a Seleção reestreia neste domingo. O retrospecto recente não é muito animador, diante da fraca participação no Sul-Americano sub-20 e da demissão do técnico Gallo já depois da convocação final. Para motivar, ao menos, o substituto Rogério Micale possui grande capacidade de reerguer o time, dono de bons trabalhos especialmente na base do Atlético Mineiro. E o elenco também possui seus talentos, como Marcos Guilherme e Gabriel Jesus. A estreia na Nova Zelândia acontece contra a Nigéria, campeã africana, em um grupo que também tem Hungria e Coreia do Norte. Na rodada inicial do Mundial, também vale ficar de olho em Argentina x Panamá, Uruguai x Sérvia e no provável massacre de Alemanha x Fiji.

Vale uma zapeada

Vélez Sarsfield x Boca Juniors
Domingo, 21h30 (Fox Sports 2)

A noite de domingo guarda um jogo de peso pelo Campeonato Argentino. O Boca Juniors aparece no topo da tabela, mas as turbulências nos bastidores afetaram um pouco o time, permitindo que o San Lorenzo igualasse os seus pontos. A visita ao Vélez é a chance de recuperar a liderança isolada e o moral, de um elenco que custou caro para a disputa da Libertadores. O Vélez, por sua vez, aparece apenas na 20ª posição (de 30 participantes) e venceu apenas dois de seus últimos 11 jogos na campanha.

O craque

Luca Toni

Luca Toni
Verona x Juventus
Sábado, 13h (Fox Sports)

Ninguém marcou mais gols na Serie A durante as duas últimas temporadas que Luca Toni. Depois de ficar no quase em 2014, desta vez o veterano está com a artilharia nas mãos. Autor de 21 tentos, o centroavante soma um a mais que Icardi e Tevez. A chance de ficar com a Chuteira de Ouro, apenas quatro dias após completar 38 anos, vem contra o mistão da Juve, que deve jogar sem Tevez. E, por mais que os reservas bianconeri tenham mostrado seu valor nas rodadas recentes, está difícil de parar Toni: o camisa 9 acumula 15 gols nas últimas 16 partidas do Verona, contra nove tentos de todo o resto do elenco.

O brasileiro

Ronaldinho
Querétaro x Santos Laguna
Domingo, 22h30

Se Ronaldinho quiser ter um grande título no México, terá que reviver os melhores momentos da carreira para fazer o que parece impossível ao Querétaro. No primeiro duelo das finais do Clausura, o Santos Laguna enfiou 5 a 0 em Torreón, com o camisa 10 vendo do banco os quatro gols de Orozco. O problema é que, tão difícil quanto tirar a taça das mãos dos alviverdes, será bater o excelente goleiro Agustín Marchesín, pré-convocado pela Argentina na Copa América. A legião brasileira do Querétaro, que também conta com Danilinho e William “Coração Valente” no ataque, terá que fazer milagre.

Passe longe

SKA Energiya x Luch Energiya
Sábado, 8h

Você não passaria perto de qualquer maneira. Você se lembra de Vladivostok, aquele território estratégico a se conquistar no cantão do tabuleiro do War? Pois então, há uma grande rivalidade por lá. E o clássico mais oriental do mundo acontece sob alerta vermelho neste sábado, pela última rodada da segundona russa. O Luch pode rebaixar o SKA, apenas um ponto acima da zona de rebaixamento. Já o acesso está nas mãos dos tarimbados Krylya Sovetov e Anzhi, os dois primeiros colocados.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo