EspanhaLa Liga

Real Madrid vence, convence e mostra que fez uma das grandes contratações da janela

Jude Bellingham brilhou na ótima vitória merengue contra o Athletic Bilbao no San Mamés

Um Real Madrid diferente do seu elenco multicampeão europeu dos últimos anos começou a temporada 2023/24 com o pé direito no San Mamés, no País Basco. Indiscutivelmente, nomes como Luka Modric e Toni Kroos foram pilares do sucesso espanhol em outras oportunidades, mas ambos começaram no banco de reservas – e não fizeram falta. Ainda assim, a partida inicial dos merengues em La Liga ficou marcada pelo domínio absoluto do time madrileno na vitória por 2 a 0 sobre o Athletic Bilbao.

Não somente os gols marcados por Rodrygo e Jude Bellingham, mas também as atuações de gente grande dos jovens do Real mostraram o brilhante trabalho de transição que o maior vencedor da Liga dos Campões tem feito nas últimas temporadas.

Por outro lado, outro jogador muito promissor não conseguiu se encontrar na atual temporada. O brasileiro Vinicius Junior até tentou marcar o seu e deu muito trabalho para a defesa do time basco, mas demonstrou alguma insegurança no momento das finalizações. De uma forma geral, mesmo que o adversário não tenha dificultado, a estreia do Real Madrid sugeriu que o Barcelona terá dificuldades para manter a taça no Camp Nou.

La base viene fuerte

Os primeiros 45 minutos tiveram soberania dos blancos. No total, além dos 59% de posse, o Real Madrid rematou em 10 oportunidades, sendo cinco no alvo. Com um setor ofensivo com mobilidade, os jovens merengues desfilaram e deram muito trabalho à defesa basca. Com isso, Unai Simón até tentou, mas aos 27, Carvajal tabelou com Rodrygo, que recebeu dentro da área e superou o goleiro para abrir o placar.

Em seguida, o goleiro espanhol ainda foi fundamental para evitar outras grandes chances, com o chute de Vini Jr, aos 34, depois de uma jogada individual extraordinária pelo lado esquerdo. Entretanto, o arqueiro do Athletic não pôde evitar o segundo gol visitante. Escanteio cobrado por David Alaba na esquerda e muita categoria no tapa de Jude Belingham, que encobriu – de primeira – Simón para ampliar.

Lunin (e o ataque do Athletic) não deram saudades de Courtois

Na segunda etapa, o Athletic Bilbao até tentou descontar o placar em casa, mas acabou não conseguindo superar uma atuação sólida no setor defensivo do Real. Mesmo com a grave lesão de Thibaut Courtois, capitão e peça fundamental, Andriy Lunin mostrou segurança embaixo das traves, ainda que não tenha feito grandes intervenções – apenas uma finalização do Athletic foi em direção ao gol.

Em contrapartida, o Real desacelerou a partida, não criou grandes oportunidades e manteve um ritmo para apenas administrar a vitória na estreia de La Liga. Ainda assim, Vinicius Jr tentou algumas escapadas pelo lado esquerdo, que não foram suficientes para o brasileiro voltar a balançar as redes.

Valeu cada um dos 103 milhões de euros: estreia de gala de Bellingham

Eleito o melhor jogador da partida, Bellingham desfilou futebol de altíssima qualidade em sua primeira partida nos gramados espanhóis. O meio-campista, que chegou do Borussia Dortmund no começo da temporada, mostrou o seu potencial de assumir a titularidade no time mais badalado no futebol mundial.

Ao lado dos também jovens Federico Valverde, Aurélien Tchouaméni e Eduardo Camavinga, o camisa 5, de apenas 20 anos, atuou os 90 minutos e mostrou uma atuação fenomenal defensiva e ofensivamente. Não somente marcou um golaço, acertou 83% dos passes, além de criar uma grande chance, mas também ganhou 13 dos 15 duelos na defesa, roubou a bola em quatro oportunidades e interceptou duas jogadas.

Militão: as lágrimas preocupam

Logo após a baixa de Courtois para o restante da temporada, foi a vez do brasileiro Éder Militão sofrer uma lesão e ser desfalque na defesa do Madrid. Isso porque aos três minutos da segunda etapa, o zagueiro acabou virando o joelho sozinho ao tentar disputar a bola com o adversário.

Já na coletiva de imprensa, o italiano Carlo Ancelotti confirmou que o jogador sofreu uma entorse no joelho e que uma lesão de ligamento não está descartada. A reação de Éder Militão, que saiu em lágrimas do gramado do San Mamés, mostra que a lesão tende a ser realmente grave.

A solução caseira do Real Madrid para a saída de Benzema

A negociação de Karim Benzema com o futebol árabe causou dúvidas sobre quem seria o nome ideal para substituir um dos jogadores mais decisivos na Europa nas últimas temporadas. Enquanto os torcedores especulam a chegada de outros atacantes a Madrid, Rodrygo continua mostrando por que recebeu a oportunidade no maior time do futebol logo aos 18 anos.

Atuando com muita mobilidade no setor de ataque, foram 80 minutos em campo, com 100% de aproveitamento no chute (2/2), além de duas grandes chances criadas.

O desempenho do brasileiro na vitória, que mostrou muita confiança ao atuar ao lado de Vini Jr, tranquiliza os torcedores blancos no que se trata de poder decisão no ataque. Até porque o Rodrygo, aos 22 anos, coleciona em seu repertório atuações e gols decisivos com a camisa do Real. Nenhum torcedor esquecerá os dois gols contra o Manchester City, no Bernabéu na temporada da 14ª orelhuda.

Foto de Paulo Sergio Nunes

Paulo Sergio Nunes

Formando em jornalismo na Universidade do Porto. Filho das jornadas esportivas do rádio. Coberturas de Champions League, Libertadores, Copa do Brasil, Brasileirão e Liga NOS in-loco. Fã das estatísticas, mesmo que, muitas vezes, elas sejam desmentidas no campo.
Botão Voltar ao topo