Espanha

Quem pode sair do Real Madrid com a chegada de Mbappé?

Atacante francês está de saída do PSG e deve ser anunciado em breve pelo Real Madrid

Kylian Mbappé tem tudo encaminhado para ser jogador do Real Madrid. O atacante francês, que confirmou publicamente a saída do Paris Saint-Germain, se despediu da torcida parisiense no último domingo (12) e vive seus últimos dias no clube. Tudo caminha para um acerto com a equipe madridista. Porém, a oficialização do acordo só deve ocorrer após o fim da temporada, já que os merengues estão focados na final da Champions League, marcada para o dia 1º de junho.

Com a iminente chegada de Mbappé, cresceram rumores sobre possíveis saídas no elenco do Real Madrid. É bem verdade que o clube merengue deve se desfazer de peças importantes, como Luka Modrić. Mas isso pouco tem a ver com o astro francês. No ataque mesmo, setor onde Mbappé atua, Vinicius Jr e Rodrygo são peças cruciais no esquema de Carlo Ancelotti e dificilmente deixarão a equipe.

No momento, como citado, tudo não passa de especulação. Fato é que a adição de um craque do calibre de Mbappé ao já estrelado elenco do Real Madrid pode causar desdobramentos internos importantes, que merecem atenção. Dito isso, a Trivela resolveu destrinchar as possíveis consequências dessa bombástica contratação.

O que a chegada de Mbappé significa para Vini Jr e Rodrygo?

Vini Jr

Vinicius Júnior e Rodrygo certamente serão impactados pela chegada de Mbappé. A presença do francês no plantel merengue carrega desafios específicos para os atuais atacantes do time, que terão de lidar com um novo cenário no clube. Vini, ao que tudo indica, duelará com o Mbappé em dois campos: o protagonismo e a posição de atacante preferencial, ambas ocupadas pelo brasileiro atualmente, sem nenhuma contestação.

Mbappé já deixou claro que gosta de ser o centro das atenções. Em Paris, o atacante francês venceu disputas internas e passou a ser o dono do time após as saídas de Neymar e Messi. No Real Madrid, todavia, o contexto é bem diferente. Vinicius Júnior é o cara do momento, e o novo reforço precisa respeitar isso. A concorrência naturalmente acontecerá, mas deve ser sadia e não pode atrapalhar a rotina de trabalho. Florentino Pérez, presidente do clube merengue, não gosta de egos inflados. Para ele, o bem da instituição deve ser colocado em primeiro lugar sempre.

Vender Vinicius Júnior é algo fora de cogitação no Real Madrid. Em abril, o portal Madrid Universal trouxe a informação de que o camisa 7 estaria na mira de PSG, Liverpool e Chelsea. Mais especulação. O brasileiro é intocável no plantel, tem contrato até 2027 e permanecerá no clube merengue.

Rodrygo

A situação de Rodrygo preocupa um pouco mais. O camisa 11 corre o risco de perder espaço no time titular com a chegada de Mbappé, dada a condição de intocável que o francês carrega por onde passa. Clubes da Premier League prometem ficar atentos a tal situação, já que demonstraram interesse no brasileiro. Uma mudança de ares não está descartada, mas Rodrygo deixou claro em entrevista recente que não pensa em deixar o Real Madrid.

— Amo demais este clube e espero que meu futuro esteja sempre aqui — disse Rodrigo a BeIN Sports após vitória do Real Madrid por 3 a 2 sobre o Barcelona.

Manchester City, Manchester United, Arsenal e Liverpool são os times que, segundo relatos da imprensa europeia, monitoram Rodrygo. Caso o brasileiro perca espaço, os ingleses estarão prontos para dar o bote. Vale destacar que o contrato do atacante com o Real Madrid vai até junho de 2028.

Saídas mesmo, só no meio-campo

Luka Modrić deve deixar o Real Madrid ao término da temporada. Nesta terça-feira (14), o jornal Relevo informou que a diretoria merengue não está disposta a oferecê-lo uma renovação, e o fim de ciclo parece iminente. O croata deseja entender o vínculo por mais um ano, porém, ao que tudo indica, não terá seu desejo atendido. A saída está praticamente decidida e será comunicada nas próximas semanas.

Lenda do Real Madrid, Modrić defende o clube desde 2012. De lá para cá, disputou 531 partidas, marcou 39 gols, distribuiu 86 assistências e conquistou incríveis 25 títulos. Durante a festa do 36º título de La Liga do Real Madrid, no último fim de semana, o meio-campista croata despistou sobre seu futuro e se disse focado na final da Champions League.

— Não é hora de falar sobre isso. Quero terminar bem a temporada, espero voltar aqui no dia 2 de junho (depois da final da Champions League) e no final veremos o que acontece — disse Modrić.

Toni Kroos é outro que pode se despedir do Real Madrid. Diferente de Modrić, o alemão faz parte dos planos da diretoria merengue, mas tem dúvidas sobre sua continuidade no clube. Com contrato perto de expirar, o meia de 34 anos tomará a decisão após a final da Champions League.

Segundo Ramón Álvarez de Mon, jornalista da Rádio Marca, Kroos não deseja ter um papel secundário no time merengue. Tal possibilidade é levantada pelo jogador em virtude da contratação de Mbappé, já que em um suposto novo esquema de 4-3-3, o alemão perderia sua influência no meio-campo da equipe.

O que falta para o Real Madrid anunciar Mbappé?

Eis a pergunta que todo torcedor do Real Madrid se faz no momento. A resposta é simples: o anúncio só deve acontecer ao término da temporada, como noticiou o jornal Marca na última sexta-feira (10). O PSG tem mais três jogos pela Ligue 1 e a final da Copa da França, dia 25 de maio, contra o Lyon. Já o Real Madrid entra em campo mais quatro vezes por LaLiga, antes da decisão da Champions League, dia 1 de junho, contra o Borussia Dortmund.

Segundo a imprensa espanhola, o anúncio de Mbappé como novo jogador do Real Madrid está previsto para ocorrer entre 3 e 9 de junho. Caso não seja nessa data, o clube deverá aguardar a participação da Seleção Francesa na Eurocopa. A competição vai do dia 14 de junho a 14 de julho.

Foto de Guilherme Calvano

Guilherme Calvano

Apaixonado por futebol, uniu o amor pelo esporte mais popular do mundo ao jornalismo. Carioca da gema e grande entusiasta da Premier League, cobriu o Flamengo no Coluna do Fla e o Chelsea no Blues of Stamford. Na música, vai de Post Malone a Armandinho. Eclético assim como na área técnica. Afinal, Guardiola e Mourinho são suas referências.
Botão Voltar ao topo