La Liga

O Atleti aproveitou a visita do lanterna Eibar para despertar e dar um sinal de vida, atropelando por 5 a 0

Colchoneros vinham pressionados na liderança, mas ganharam com folgas e aguardam os concorrentes

A desconfiança sobre o Atlético de Madrid na reta final de La Liga é natural. Os colchoneros fizeram um primeiro turno excelente, mas patinam na segunda metade da competição e acabaram jogando fora a vantagem confortável que tinham na liderança. A equipe de Diego Simeone, que tinha pedido apenas sete pontos nas primeiras 20 partidas, deixou escapar 16 pontos nos dez compromissos seguintes. Os rojiblancos precisavam de uma resposta, com Real Madrid e Barcelona fungando no cangote, além da ascensão do Sevilla. Neste domingo, veio um sinal do despertar – mesmo que moderado. O Eibar era um adversário fácil, na lanterna da competição. A goleada por 5 a 0 no Wanda Metropolitano, pelo menos, recobra os sinais de vida do Atleti.

O resultado não seria automático e o Eibar até teve algumas chegadas razoáveis durante o primeiro tempo, mesmo sem finalizar uma vez sequer. Antes do intervalo, de qualquer maneira, a vitória se abriu. Sem o lesionado Luis Suárez, o Atlético anotou o primeiro aos 42 minutos, a partir de um escanteio. Héctor Herrera desviou no primeiro pau e Ángel Correa completou quase em cima da linha. Dois minutos depois, o argentino marcou mais um. Numa trama pela esquerda, Renan Lodi passou a Yannick Ferreira Carrasco e o belga atrasou para Correa definir, com direito a um lindo giro sobre a marcação.

O intervalo não esfriou o Atlético de Madrid, que voltou ao segundo tempo com a mesma postura e logo abriu sua goleada. Aos quatro minutos, Saúl Ñíguez deu um lançamento espetacular para Carrasco. O meia driblou o goleiro Marko Dmitrovic fora da área e deixou um marcador no chão, antes de arrematar às redes vazias. Já aos oito, veio o quarto. Correa agora serviu de garçom e, depois de limpar o lance pela esquerda, passou para Marcos Llorente deixar o seu. Llorente ainda seria o responsável por fechar a goleada, aos 23. Carrasco preparou o lance, para o companheiro dominar e chutar com calma.

O Atlético de Madrid não vencia há duas rodadas e chega aos 70 pontos. Ainda precisa secar Real Madrid e Barcelona, com os blaugranas sem entrar em campo no final de semana por La Liga, após a conquista da Copa do Rei. O momento não favorece o Atleti, mas a goleada motiva e a tabela também ajuda, com duelos mais fáceis antes do confronto direto no Camp Nou. Sparring da vez, o Eibar fica com 23 pontos, lanterna da Liga, a quatro pontos de deixar a zona de rebaixamento.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo