Champions LeagueLa Liga

Mijatovic: “Real Madrid precisa melhorar muito, eles não me convenceram”

OFERECIMENTO: Spin Sports

O Real Madrid venceu a Roma nesta terça-feira, pela Champions League, um resultado que classificou o time para as oitavas de final da competição. Isso depois de uma derrota surpreendente para o Eibar por 3 a 0 no último sábado, a primeira do técnico agora efetivado Santiago Solari no comando do time. O ex-jogador Pedrag Mijatovic, um astro que já fez gol em final de Champions pelo clube merengue, foi crítico ao futebol apresentado pelo clube, mesmo com a vitória sobre os italianos.

LEIA TAMBÉM: Os insistentes erros afundaram a Roma em mais uma frustrante derrota ante o Real Madrid

Aos 49 anos, Mijatovic tem muitas glórias na carreira como jogador. Começou no Budućnost, de Montenegro, antes de brilhar pelo Partizan, da Sérvia – os dois na época faziam parte da Iugoslávia. Em 1993, ele foi para o Valencia. Em 1996, foi contratado pelo Real Madrid e fez muito sucesso. Ficou até 1999 e ainda defendeu Fiorentina, até 2002, e encerrou a carreira pelo Levante, em 2004. Foi dele o gol do título na final da Champions League de 1997/98, contra a Juventus, na Arena Amsterdã.

“O Real Madrid precisa melhorar muito”, afirmou o ex-jogador do clube à rádio Cadena Ser. “Eles não me convenceram. Na terça eles jogaram contra um time que está indo muito mal na liga italiana. Eu quero ver como o Real Madrid responde no próximo sábado contra o Valencia. O Real Madrid tem que vencer, mas também ter um bom desempenho”, analisou.

“Há jogadores como [Raphael] Varane e [Luka] Modric que jogaram a final da Copa do mundo e irão começar a se sentir melhores em janeiro. Mas o Real Madrid está sofrendo. É um momento complicado e não é o Madrid que nós nos acostumamos a ver nos últimos anos. Eles estão vivos em todas as competições, mas eles têm que melhorar e jogar muito melhor”, afirmou ainda o montenegrino, ex-jogador da seleção da Iugoslávia.

Uma das mudanças que se viu com o técnico Santiago Solari foi Isco perdendo espaço e não só ficando fora do time titular, como fora dos relacionados no jogo desta terça-feira contra a Roma, na Itália. “Ele foi de um titular indiscutível para nada”, afirmou Mijatovic.

“Nós não sabemos o quanto ele está treinando, se ele está mentalmente no lugar certo ou se ele tem problemas físicos”, continuou o ex-jogador. “Eu acho que ele é muito bom para estar no banco. Isco é um jogador muito útil e se eles sabem como usarem ele bem, ele irá oferecer um grande futebol”.

O Real Madrid volta a campo no fim de semana, contra o Valencia, às 17h45 do sábado, dia 1º.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo