La Liga

Mat Ryan fechou o gol e garantiu a vitória da Real Sociedad, líder isolada, na visita ao Celta

Mat Ryan fez uma série de defesas sensacionais e permitiu que seu time buscasse os 2 a 0 em Balaídos

A Real Sociedad permanece com uma boa vantagem na liderança do Campeonato Espanhol, mesmo que possua um jogo a mais que parte dos concorrentes diretos. No entanto, tal tranquilidade foi conquistada às custas de um jogo duríssimo nesta quinta-feira. O Celta incomodou bastante em Balaídos e teve diversas chances para abrir o placar, mas parou numa atuação inspiradíssima de Mat Ryan. Reserva dos txuri-urdin, o australiano ganhou uma oportunidade no lugar de Álex Remiro e correspondeu com uma série de grandes defesas. Eleito o melhor em campo, o goleiro abriu o caminho ao triunfo por 2 a 0, construído no segundo tempo, que retoma para três pontos a gordura da Real no topo da tabela.

O primeiro tempo seria difícil à Real Sociedad, com o Celta desfrutando de momentos de superioridade. Logo nos primeiros minutos, os galegos deram seus sustos, num tiro cruzado de Nolito que passou perto e numa ótima defesa de Mat Ryan contra Denis Suárez. Os celestes tinham uma postura mais agressiva, e os txuri-urdin só melhoraram quando passaram a trabalhar mais a posse. As respostas vieram depois dos 12, com Adnan Januzaj e Alexander Isak, este parando no goleiro Matías Dituro.

Depois de um início de jogo mais elétrico, as defesas conseguiram se acertar e nenhuma equipe impunha seu domínio. A Real Sociedad não era tão vertical com a bola, enquanto o Celta apertava sua marcação para atrapalhar as saídas. Somente na reta final é que os galegos voltaram a ameaçar, e forçaram seguidos milagres de Mat Ryan. Em meio à uma sequência de finalizações, o australiano realizou duas ótimas intervenções, incluindo uma sensacional contra Santi Mina no contrapé. O arqueiro era responsável pelo zero no intervalo.

Logo na volta ao segundo tempo, Mat Ryan reapareceu com outra defesa firme diante de Brais Méndez. E o esforço do goleiro foi recompensado do outro lado, quando Isak abriu o placar aos nove minutos. Numa arrancada de Portu, Januzaj finalizou e Isak marcou no rebote, sozinho na pequena área. A arbitragem ainda anulou no primeiro momento, mas o VAR confirmou o tento. E na tentativa de resposta imediata dos celestes, mas uma vez Mat Ryan se agigantou. Parou no mano a mano Iago Aspas e ainda salvou a cabeçada de Brais na sobra. Pouco depois, Nolito bateu para fora.

Um respiro à Real Sociedad aconteceu aos 21, quando Isak errou o alvo. Depois da pressão do Celta, os bascos conseguiram se acertar e faziam o tempo correr. Os galegos até tiveram um gol anulado aos 32, por impedimento, mas tinham dificuldades para se impor neste momento do duelo. E a vitória da Real acabou confirmada aos 36, com o segundo gol. Depois de um escanteio, Mikel Merino cabeceou e, depois de um leve desvio nas costas de Aritz Elustondo, a bola morreu nas redes. Na reta final, os celestes buscaram a reação com bolas alçadas, sem muito destino.

A Real Sociedad alcança os 24 pontos no Campeonato Espanhol, três a mais que Real Madrid, Sevilla e Betis. Porém, merengues e sevillistas têm uma partida a menos na liga. Os bascos vivem uma sequência de 13 partidas de invencibilidade, somando todas as competições. Já o Celta faz uma campanha muito oscilante em La Liga e tem dez pontos, no 14° lugar. Os galegos só ganharam um dos últimos quatro compromissos.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo