La Liga

Girona não consegue se impor contra o Celta, mas vence ainda assim e mostra que não quer largar liderança de La Liga

Gol marcado por Portu no primeiro tempo dá vitória aos catalães por 1 x 0 diante do Celta em Vigo

O Girona bateu o Celta de Vigo pelo placar de 1 x 0, fora de casa no Estádio Municipal de Balaidos, em jogo válido pela 22ª rodada da La Liga. Portu marcou o único gol da partida na marca dos 20 minutos de jogo e devolveu a liderança da competição ao time catalão, que alcançou os 55 pontos. Vale ressaltar que o Real Madrid, vice líder com 54 tem um jogo a menos.

Após um primeiro tempo mais disputado, com Dovbyk tendo ao menos três chances para fazer um gol, fora outras oportunidades criadas, o time catalão caiu de rendimento na etapa final, mas nem isso fez com que o Celta conseguisse o gol de empate. O time treinado por Rafa Benítez bem que tentou, teve alguns contragolpes ao seu favor, mas não teve a qualidade suficiente para conseguir mandar a bola para o fundo do gol.

Com a derrota em casa, o Celta estacionou na 16ª colocação com 17 pontos e está a dois de distância para o Cádiz, primeiro time dentro da zona de rebaixamento. Na próxima rodada o time de Vigo encara o Osasuna fora de casa, enquanto o Girona recebe a Real Sociedad.

Portu marca e deixa o Girona na frente

Logo aos quatro minutos, Savinho aproveitou rebote em cobrança de escanteio e chutou firme, por cima da meta do goleiro do Celta. Cinco minutos mais tarde, o Girona teve mais uma boa chegada com Yangel Herrera, que dominou da intermediária, deixou a bola quicar uma vez e chutou de peito de pé à esquerda do goleiro Guaita. A bola chegou a bater na rede, mas pelo lado de fora.

A equipe catalã começou melhor o jogo e ao seu melhor estilo criou mais uma boa chance. Após jogada de linha de fundo pela esquerda, Dovbyk tocou de cabeça e Guaita fez mais uma boa defesa. Na sequência do lance, o atacante ucraniano subiu alto para cabecear depois do escanteio e a queima-roupa o arqueiro do celta fez mais uma defesa espetacular para salvar a meta do Celta.

A primeira chegada do Celta aconteceu apenas aos 18 minutos. Manuel Sánchez fez bela jogada pelo lado esquerdo, levou na linha de fundo e cruzou rasteiro, a bola atravessou a área e chegou ao outro lado, Mingueza pegou firme na bola e obrigou Gazzaniga a fazer grande defesa.

Mas aí surgiu o primeiro gol do Girona na sequência. Portu recebeu passe belíssimo de Miguel Gutiérrez dentro da área e chutou firme no canto direito do goleiro Guaita, que dessa vez não teve o que fazer. Mesmo na frente do marcador, o time catalão seguia no ataque e teve mais uma chance com Dovbyk, que buscava marcar o seu gol e quase conseguiu após receber passe em profundidade e chutar cruzado com perigo.

A partir dos 25 minutos o jogo tomou outra forma, com o Celta partindo ao ataque e buscando o empate ainda na primeira etapa. Aos 30 minutos, Mingueza fez um lindo cruzamento no meio da área e encontrou Larsen, que subiu e cabeceou firme para linda defesa de Gazzaniga, a bola ainda bateu no travessão. Na parte final do primeiro tempo, o jogo ficou mais aberto, com os dois times rondando a área adversária e criando algum perigo, mas não conseguiram balançar as redes, fechando a etapa inicial em 1 x 0 em favor do Girona.

Jogo cai tecnicamente no 2º tempo, melhor para os catalães

Na primeira jogada da segunda etapa, o Celta por pouco não empatou. Após troca de passes na entrada da grande área, De La Torre chutou no meio do gol, mas sem muita força, facilitando o trabalho do goleiro Gazzaniga.

O jogo caiu consideravelmente de produtividade na segunda etapa. O Celta se fechou melhor, começou a neutralizar as ações do Girona, que não conseguia mais furar o bloqueio da defesa adversária, mas não sofria nenhum susto defensivo, já que os comandados de Rafa Benítez não conseguiam contra-atacar.

Aos 38 minutos, Aleix García chutou de fora da área para boa defesa do goleiro Gazzaniga. Seis minutos mais tarde, o Celta foi ao ataque para buscar o empate e teve uma boa chance com Blind, que recebeu um bom passe pela direita, levou a bola na linha de fundo e chutou cruzado, mas em cima da marcação.

No último lance do jogo, Iago Aspas recebeu passe no comando de ataque, protegeu e abriu na ponta direita para Ristic, que dominou e chutou forte, para mais uma grande intervenção de Gazzaniga, que salvou a meta do Girona e garantiu a vitória do time catalão por 1 x 0, que reassumiu a liderança da La Liga com 55 pontos.

Foto de Lucas de Souza

Lucas de SouzaRedator

Lucas de Souza é jornalista formado pela Universidade São Judas em São Paulo. Possui especialização em Marketing Digital pela Digital House, e passagens pelos sites Futebol na Veia e Futebol Interior.
Botão Voltar ao topo