O Elche estava determinado a por fim à sequência positiva do Real Madrid, com o presidente do clube, Joaquín Buitrago, afirmando que estava na hora dos merengues perderem e que isso aconteceria nesta quarta-feira (30). A previsão do mandatário não se concretizou, mas o Elche conseguiu colocar freio nas vitórias consecutivas do Real, segurando os madridistas em um empate em 1 a 1.

O Real Madrid criou sua primeira boa chance logo aos três minutos, quando Lucas Vázquez cruzou com precisão para Toni Kroos, mas a cabeçada do alemão passou à esquerda do gol de Badia. O Elche respondeu sete minutos mais tarde em jogada individual de Rigoni, que gingou para cima de Marcelo e bateu forte, para boa defesa de Courtois, mandando para escanteio.

Titular pela primeira vez nos últimos seis jogos em La Liga, Marcelo teve uma boa participação ofensiva ao longo do duelo, e sua principal jogada veio ainda aos 13 minutos, quando penetrou na área adversária pelo centro, recebeu de Casemiro e carimbou o travessão de Badia com a perna direita, em um bonito chute.

O Real Madrid chegaria ao seu gol ainda aos 20 minutos. Marco Asensio arriscou de longa distância, de esquerda, e também mandou no travessão, mas Modric estava esperto no rebote e cabeceou para fazer 1 a 0.

No início do segundo tempo, aos sete minutos, após vacilo de Carvajal, que cometeu pênalti ao agarrar um adversário dentro da área, Fidel foi para a cobrança e converteu, igualando o marcador. Onze minutos mais tarde, o atacante Lucas Boyé, que deu trabalho para a defesa merengue, esteve perto de virar para o Elche quando recebeu na entrada da área, girou para cima da defesa e bateu forte e rasteiro, mas a bola beliscou a trave e foi à esquerda do gol de Courtois.

O Real Madrid levou perigo aos 25 minutos, após bola longa de Kroos, da linha do meio de campo, para Carvajal. O lateral dominou já dentro da área e bateu, mas parou em boa defesa de Badia. No minuto seguinte, Carvajal foi garçom, cruzando para Sergio Ramos. Na frente do gol, o zagueiro mandou em cima do goleiro do Elche.

Em outra bola cruzada, já aos 44 minutos da segunda etapa, Modric encontrou Benzema sozinho, dentro da área, a partir de uma posição profunda, mas o francês não conseguiu o desvio que possivelmente daria a vitória ao Real Madrid. A última chance do jogo, por fim, ficou com o Elche. Em cobrança de falta, Verdú forçou Courtois a voar para espalmar e evitar a derrota aos merengues.

Com o tropeço, o Real Madrid ficou apenas nos 33 pontos, deixando o Atlético de Madrid, que havia vencido mais cedo o Getafe por 1 a 0, sozinho na liderança, com 35 pontos e dois jogos a menos que os rivais. Diante da estabilidade do Atleti, o Real precisará, ele próprio, de constância nas próximas semanas para não ver a briga pelo título se dificultar.

Classements proposés par SofaScore LiveScore