La Liga

Dembélé infernizou os defensores da Juventus, assinou duas pinturas e manteve o sarrafo alto na disputa com Raphinha

Depois das grandes atuações de Raphinha, Dembélé reapareceu como titular no Barcelona e não se cansou de entortar os juventinos em amistoso

O Barcelona terá uma tremenda disputa pela titularidade em seu ataque durante a próxima temporada, diante da qualidade dos jogadores à disposição. A ponta direita será particularmente concorrida, por aquilo que se nota desde os amistosos preparatórios. Raphinha não precisou de tempo para a adaptação e arrebentou em suas duas primeiras aparições pelo clube. Já nesta quinta, Ousmane Dembélé ganhou uma chance como titular e impressionou. Foram dois golaços do francês, no empate por 2 a 2 contra a Juventus em Dallas.

Com várias modificações em relação ao clássico contra o Real Madrid, o Barcelona entrou em campo com um ataque formado por Ousmane Dembélé, Robert Lewandowski e Pierre-Emerick Aubameyang. Franck Kessié e Andreas Christensen eram outros dois reforços recentes no 11 inicial. Raphinha ficava para o segundo tempo. Já a Juventus contava com Bremer pela primeira vez entre os titulares, além de Ángel Di María na ponta direita.

Com o contrato renovado, Dembélé mostrou como quer jogo. Seu primeiro gol diante da Juventus já foi uma pintura, aos 34 minutos. O francês entortou Juan Guillermo Cuadrado e depois deixou Alex Sandro tonto, antes de finalizar na saída de Wojciech Szczesny. Na comemoração, o ponta imitou Stephen Curry e “botou para dormir”. A Juventus empatou na sequência. Cuadrado deu o cruzamento rasteiro para que Moise Kean completasse na área. Nada que intimidasse Dembélé.

O segundo gol do Barcelona, aos 40, pareceu uma nova versão do primeiro. Dembélé de novo infernizou dois adversários na ponta direita. O francês aplicou um drible da vaca em Cuadrado e fintou depois Manuel Locatelli. Bateu com efeito, num tiro rasteiro que levou os blaugranas ao intervalo em vantagem. Durante o segundo tempo, todavia, Kean apareceu de novo na área e decretou o placar final logo aos sete minutos. O Barça bem que buscou a vitória, mas parou duas vezes na trave. Raphinha saiu do banco e cobrou uma falta no travessão, pouco antes que Ansu Fati também acertasse o poste na sequência.

A competição interna no Barcelona será bastante intensa, diante dessas mostras iniciais. Melhor ainda quando jogadores tão talentosos em busca de seus espaços correspondem. Raphinha tinha sido sublime em suas primeiras aparições com a camisa blaugrana, especialmente pelo golaço diante do Real Madrid. Dembélé indica que não ficará assistindo de fora, porém.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo