La Liga

Com um time cheio de meias, Atlético de Madrid conta com gol de Correa para vencer o Elche

Simeone escalou Saúl e Marcos Llorente como alas, Kondogbia na zaga e Correa e Carrasco como atacantes para enfrentar o Elche

Rodrigo de Paul teve uma boa participação, em seu segundo jogo pelo Atlético de Madrid, na vitória por 1 a 0 deste domingo, sobre o Elche, no Wanda Metropolitano, onde Diego Simeone escalou um time titular bem curioso.

O treinador deixou os laterais no banco de reservas e escalou Marcos Llorente pela direita e Saúl pela esquerda. Geoffrey Kondogbia foi o terceiro zagueiro para manter o equilíbrio e também não houve atacantes de ofício, com Carrasco e Ángel Correa formando a dupla ofensiva.

No meio da cancha, De Paul e Thomas Lemar eram os responsáveis pela criação, com Koke de primeiro volante. Como Correa e Carrasco são meias ofensivos, que podem atuar, sim, como atacantes, embora geralmente não juntos, havia até oito jogadores de meio-campo, dependendo da sua concepção.

E os primeiros 25 minutos foram horrorosos, com uma única finalização, para fora.

Aos 39, porém, De Paul deu o lançamento para a entrada da área, e Correa correu atrás. Não foi o passe mais perfeito porque permitiu que o goleiro Kiko Casilla chegasse antes do meia-atacante argentino. O ex-goleiro do Leeds, porém, furou. A bola sobrou para Correa, que ajeitou para a perna esquerda, mas bateu de direita mesmo, com uma Trivela no alto para marcar o único gol da partida.

No começo do segundo tempo, De Paul deu outra bola longa para acionar carrasco dentro da área. O belga dominou, mas demorou um pouco para girar e permitiu que Casilla saísse do gol para fechar o ângulo e fazer a defesa. Simeone tirou Luis Suárez do banco e colocou Kieran Trippier na vaga de De Paul pouco depois, e a última meia hora teve o Elche tentando furar a defesa colchonera. Sem sucesso.

.

.

Standings provided by SofaScore LiveScore

.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo