Espanha

Cotado para a Eurocopa, Isco vai do céu ao inferno com lesão no Betis

Em um claro ressurgimento na carreira, Isco sofreu um duro golpe às vésperas da convocação para a Eurocopa

Isco parecia caminhar para um final de carreira melancólico. Seus últimos momentos no Real Madrid foram muito abaixo do futebol apresentado em seu auge. Para 2022/23, o meia assinou com o Sevilla, que rescindiu o contrato apenas seis meses depois por não estar satisfeito com o que recebeu dentro de campo. Só que tudo mudou quando ele foi para o Betis, no início desta temporada.

Em 2023/24, Isco renasceu nos Verdiblancos, voltando a jogar em alto nível. Não à toa, o meia estava cotado para retornar à seleção espanhola, que não o convoca desde 2019. Entretanto, o atleta de 32 anos foi do céu ao inferno ao sofrer uma lesão. No empate do Betis por 2 a 2 com o Las Palmas, o Gran Canaria Stadium, pela 36ª rodada de La Liga, na última quinta-feira (16), ele viu o sonho da Eurocopa se desfazer.

Isco sofreu uma fratura na fíbula esquerda e deve passar por cirurgia nos próximos dias. Portanto, o meia não viajará com a Espanha para a Alemanha para jogar a Eurocopa entre os dias 14 de junho e 14 de julho. Aqui vale ressaltar que, segundo o jornal Marca, o meia dos Verdiblancos estava na lista final de 26 jogadores de La Furia, com o técnico Luis de la Fuente confessando que é fã do craque do Betis.

Empolgado com a chance de vestir a camisa de seu país novamente, Isco estava disposto até mesmo a adiar sua lua de mel. Dias antes de se machucar, o meia disse ao DAZN que tinha um feito um seguro de cancelamento, já prevendo a convocação da seleção espanhola. Entretanto, as férias do jogador dos Verdiblancos serão marcadas pela recuperação de sua perna, bem longe da Euro.

O ressurgimento de Isco no Betis

Nesta temporada, Isco fez 36 partidas pelo Betis, com nove gols e sete assistências. Mais do que isso, o que chama a atenção é que o jogador foi eleito o melhor jogador da partida em La Liga em 19 oportunidades, o que ajuda a explicar sua importância para Manuel Pellegrini. Aliás, o desfalque do espanhol será muito sentido também nos Verdiblancos.

Com dois jogos a serem disputados para o término de 2023/24, o Betis ainda tem chances de se classificar para a próxima Liga Europa. Atualmente, os Verdiblancos estão na 7ª posição de La Liga, que garante vaga na Conference League. Entretanto, a diferença para a Real Sociedad — que está à frente na tabela — é de apenas um ponto. Inclusive, as equipes fazem um confronto direto no domingo (19), em Benito Villamarin.

Fato é que Isco não estará à disposição para essa decisão. Em relação à Espanha, o último grande torneio que o meia jogou por La Roja foi a Copa do Mundo da Rússia, em 2018. Ele nunca participou de uma Eurocopa, por exemplo. A grave lesão no Betis não poderia ter vindo em um pior momento. Agora, resta ao atleta focar em seu tratamento para voltar a desfilar seu bom futebol em 2024/25.

Foto de Matheus Cristianini

Matheus Cristianini

Jornalista formado pela Unesp, com passagens por Antenados no Futebol, Bolavip Brasil, Minha Torcida e Esportelândia. Na Trivela, é redator de futebol nacional e internacional.
Botão Voltar ao topo