Espanha

Greenwood já teria decidido o que quer de Bellingham após ser chamado de estuprador

Emprestado pelo Manchester United ao Getafe, Greenwood foi ofendido por Bellingham, mas quer deixar episódio de lado

Uma confusão entre os compatriotas Jude Bellingham e Mason Greenwood em jogo da La Liga está perto de um final sem grandes problemas. Há duas semanas, aa organização do campeonato enviou uma leitura labial de um suposto insulto do jogador do Real Madrid ao atacante do Getafe à Real Federação Espanhol de Futebol (RFEF). Entretanto, o próprio Greenwood deixou às autoridades claras o seu desejo após ser chamado de ‘estuprador' pelo meia merengue.

– Mason disse a eles que não quer Jude seja punido e pediu que desistissem. Ele não quer publicidade negativa e quer continuar jogando futebol. Ele ficou muito chateado na época porque não esperava isso de alguém como Jude. Mas ele sabe que será sempre alvo desse tipo de coisa, então ele também aceitou que precisará ter a cabeça fria para lidar com isso -, afirmou uma fonte próxima a Greenwood em conversa com o tabloide inglês The Sun.

A ofensa aconteceu no dia 1 de fevereiro, durante a vitória do Real Madrid por 2 a 0 contra o Getafe, por La Liga, em uma discussão acalorada entre os jogadores ingleses. O ofício da La Liga enviado à RFEF foi enviado com imagens coletadas pela imprensa, que cobria o jogo e identificou a ofensa de Bellingham durante a partida. Com o andamento da investigação, que ainda não foi arquivada, Bellingham poderia desfalcar o Real Madrid se for punido pela federação local.

Em campo, futuro ainda incerto

Emprestado pelo Manchester United ao Getafe até o fim desta temporada, Greenwood vem sendo um dos destaques da equipe espanhola. Depois de ter ficado mais de um ano longe dos gramados, o atacante já marcou 7 gols e deu 5 assistências em 2023/2024. Seu bom desempenho foi elogiado por Sir Jim Ratcliffe. O novo acionista do clube dono de seus direitos não descartou um retorno dele aos Red Devils.

– Não sei se ele ainda poderá ter futuro (no Manchester United). Tudo o que posso fazer é falar sobre o princípio de como abordaremos decisões como essa. Ele é o tipo certo de jogador de futebol? Estamos felizes com o desempenho dele? Ele é uma boa pessoa ou não?

Greenwood teve caso de tentativa de estupro arquivado

Em janeiro de 2022, atuando pelo Manchester United, Greenwood foi acusado de agressão e tentativa de estupro por sua parceira na época, a influencer Harriet Robson. Após isso, ele foi afastado pelo clube.

Em imagens publicadas nas redes sociais, a ex-namorada aparecia com hematomas no corpo e um sangramento na boca. Os áudios vazados mostravam uma discussão, com uma voz masculina que gritava na tentativa de forçar o auto sexual e ainda ameaçava a mulher.

– Para todo mundo que quiser saber o que Mason Greenwood realmente faz comigo – escreveu Harriet na publicação, apagada poucas horas depois.

A Polícia da Grande Manchester avaliou os materiais publicados, e Greenwood foi detido preventivamente após as provas iniciais serem coletadas. Porém, depois de alguns meses, o caso foi arquivado, e o United tentou reintegrá-lo ao elenco. Mas a pressão dos torcedores fez com que o clube negociasse sua transferência ao Getafe.

– Todos os envolvidos, incluindo Mason, reconhecem as dificuldades para ele recomeçar a sua carreira no Manchester United. Portanto, foi mutualmente acordado que seria mais apropriado que ele fizesse isso longe de Old Trafford e agora trabalharemos com Mason para chegar a esse resultado – disse o clube em comunicado na época da saída de Greenwood.

Foto de Vanderson Pimentel

Vanderson Pimentel

Jornalista formado em 2013, e apaixonado por futebol desde a infância. Em redações, também passou por Estadão e UOL.
Botão Voltar ao topo