Espanha

Real Madrid aposta em “espanholização” do elenco

Quando se pensa em Real Madrid, é inevitável pensar em estrelas internacionais com a camisa merengue. Também muito por isso, o time acaba não dando muito espaço para algumas de suas revelações, que explodem em outros lugares – casos de Roberto Soldado e Juan Mata, por exemplo. Mas na atual temporada, o time parece estar disposto a apostar em jogadores espanhóis – seja nas contratações, seja dando espaço para as suas categorias de base. Por isso gastou tanto dinheiro para levar ao Santiago Bernabéu dois destaques da seleção sub-21 espanhola, Isco e Illarramendi – este último apresentado na sexta.

Além de espanhóis, os dois jogadores custaram caro aos cofres merengues e são jovens. O time quer aproveitar dois de seus principais destaques na base, o atacante Morata e o meia-atacante Jesé. Com esses reforços – e a saída de José Callejón que foi para o Napoli – o time tem 14 jogadores espanhóis no elenco. Com isso, 50% do elenco é nascido na Espanha. E o time começa a montar uma base para as próximas temporadas.

A intenção é mesmo essa, como disse o presidente Florentino Pérez nesta semana. “Já apresentamos alguns (Isco e Carvajal, além de Illarramendi, nesta sexta). Outros grandes jogadores serão promovidos (das categorias de base) e vão dar muitas alegrias ao madridismo. Na segunda irão se incorporar os jogadores e vamos ter um elenco muito bom e muito competitivo”, afirmou o dirigente.

Casillas é o capitão do time e será o titular do gol, em condições normais. O lateral direito será Daniel CCarvajal, que é da base merengue, mas foi vendido ao Bayer Leverkusen e fez ótima temporada, sendo recomprado. Sergio Ramos é titular na zaga ao lado de Raphael Varane, este o primeiro estrangeiro da escalação, já que é francês. Na lateral, esquerda, outro estrangeiro irá ocupar a vaga – Marcelo, brasileiro, ou Fábio Coentrão, português.

No meio-campo, Xabi Alonso é titular do time e da seleção espanhola. Sami Khedira, alemão, é seu companheiro como volante. Vem, então, a linha de frente que pode variar muito na temporada. Os titulares habituais no último ano foram Ángel Di María, argentino, Masut Özil, alemão, e Cristiano Ronaldo, português. No ataque, mais um estrangeiro, com Karim Benzema, francês, ou Gonzalo Higuaín, argentino. Mas os reforços servem justamente para preencher posições que atualmente são ocupadas por estrangeiros.

Isco é um meia criativo, que pode jogar em qualquer posição do ataque, no lugar de Di María, Özil ou Cristiano Ronaldo. Illarramendi é um meia, que pode jogar na função de Xabi Alonso, mais recuado como volante, no lugar de Khedira, chegando um pouco mais, ou mesmo como meia, se for o caso, no lugar de Özil. Jesé, da base, é outro que pode atuar no lugar de Özil ou como segundo atacante. Morata é centroavante e tem tudo para ser o reserva imediado de Benzema, caso Higuaín ainda saia.

A chegada de Carlo Ancelotti e desses reforços pode mudar um pouco o estilo de jogo do Real Madrid e torná-lo mais próximo ao que a seleção espanhola joga – e o rival Barcelona, por tabela. Pode também mudar para um estilo de passes mais longos, como Ancelotti já fez no Milan e no Paris Saint-Germain. A variação tática é algo que deve ser mais frequente nesta temporada do que foi na temporada passada, quando o 4-2-3-1 de José Mourinho era praticamente imutável. Até pelas muitas opções que tem, Ancelotti poderá variar para um 4-3-1-2 ou 4-1-2-1-2, a formação em diamante. É possível ainda que outros jogadores deixem o elenco merengue até o fim da rodada. Mas o que fica claro é que o time tem uma definição: quer apostar mais em jogadores espanhóis. Veremos se essa será uma política duradoura.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo