Eliminatórias da Copa

Eliminatórias na Ásia: Japão se recupera contra a China e Irã vence o clássico contra o Iraque

Irã, Austrália e Arábia Saudita são as únicas equipes com 100% de aproveitamento após as duas primeiras rodadas

A rodada desta terça-feira nas Eliminatórias Asiáticas para a Copa do Mundo de 2022 beneficiou os visitantes. Quatro dos seis jogos tiveram vitórias da equipe sem o mando, embora parte desses embates tenham ocorrido em campo neutro. E, entre os vencedores, o Japão aproveitou para se recuperar na competição. Os Samurais Azuis tinham sofrido uma surpreendente derrota para Omã na estreia, dentro de casa, e desta vez conseguiram dar o troco contra a China. O triunfo por 1 a 0 vale os primeiros pontos aos nipônicos, que ainda precisarão correr atrás do prejuízo contra as líderes Austrália e Arábia Saudita.

Vale dizer que o Japão se aproveitou das circunstâncias no encontro. A China tinha o mando de campo, mas preferiu atuar em Doha, por conta das restrições no país causadas pela pandemia. E os Samurais Azuis, que não tinham muito a ver com isso, construíram seu triunfo no primeiro tempo. Yuya Osako já tinha perdido uma chance incrível e seria o responsável por determinar o placar, com um gol aos 40 minutos. Os japoneses tiveram amplo domínio no duelo e poderiam até mesmo construir uma diferença mais confortável.

O Japão soma três pontos no Grupo B, igualando a Omã. As duas primeiras colocações são de Austrália e Arábia Saudita. Os australianos visitaram o Vietnã em Hanói e ganharam por 1 a 0, tento de Rhyan Grant. Já os sauditas não deram mole diante da zebra e derrotaram Omã por 1 a 0 em Mascate, gol de Saleh Al-Shehri. Na próxima Data Fifa, em outubro, o Japão visita a Arábia Saudita e recebe a Austrália, em duelos essenciais às suas pretensões. Apenas os dois primeiros colocados de cada chave se classificam direto à Copa, com o terceiro precisando disputar a repescagem.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Pelo Grupo A, a liderança isolada é do Irã. Os persas mantêm os 100% de aproveitamento, graças à vitória por 3 a 0 no clássico contra o Iraque. A partida também aconteceu em campo neutro, em Doha, apesar do mando dos iraquianos. Os iranianos saíram em vantagem logo aos dois minutos, com Alireza Jahanbakhsh. Já no segundo tempo, quando os Leões da Mesopotâmia tentavam responder, Mehdi Taremi ampliou e Ali Gholizadeh terminou de decretar o triunfo do Team Melli. Na rodada anterior, o Irã havia derrotado a Síria.

A segunda colocação do Grupo A é ocupada pela Coreia do Sul. A equipe tropeçou na estreia em Seul, sem sair do 0 a 0 contra o Iraque. Desta vez, os sul-coreanos pegaram o Líbano em Suwon e ganharam por 1 a 0. Kwon Chang-hoon assinalou o tento decisivo. Já a Síria empatou por 1 a 1 com os Emirados Árabes Unidos, em duelo realizado na Jordânia por conta da guerra civil síria. Os emiratenses marcaram o primeiro com Ali Mabkhout, mas Mahmoud Al Baher garantiu o empate. Emirados Árabes chega a dois pontos, contra um da Síria, empatada com Iraque e Líbano neste início de campanha.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo