Eliminatórias da Copa

Eliminatórias na África: Egito desbanca a Líbia e toma a liderança, enquanto Argélia e Costa do Marfim seguem na ponta

O Egito conquistou um resultado importante nesta sexta, ao ultrapassar a Líbia com o triunfo em Alexandria

A rodada desta sexta-feira nas Eliminatórias Africanas para a Copa do Mundo de 2022 não contou com grandes surpresas. Os favoritos de cada chave venceram, com direito a um resultado primordial do Egito. Os Faraós tomaram a primeira colocação de sua chave, superando a Líbia na tabela. O triunfo sobre os vizinhos, porém, não seria tão fácil e o placar de 1 a 0 dependeu de um golaço para definir o placar em Alexandria. Vale lembrar que apenas o líder de cada grupo avança à última fase do qualificatório na África, quando serão conhecidos os cinco classificados ao Mundial.

O nome do jogo foi Omar Marmoush, atacante de 22 anos que defende o Stuttgart. Depois de um primeiro tempo em que a Líbia chegou a mandar uma bola na trave, a pintura do jovem aconteceu na volta do intervalo. Ele dominou na intermediária, limpou a marcação e acertou um balaço no alto da meta. O Egito chega aos sete pontos, um a mais que a Líbia. Em terceiro, Angola somou três pontos ao vencer Gabão por 3 a 1 em Luanda. Zini, Ary Papel e Jonathan Buatu-Mananga marcaram para os Palancas Negras, enquanto Axel Meye descontou aos Panteras. Os gaboneses, que tiveram Pierre-Emerick Aubameyang, só marcaram um ponto nas primeiras três rodadas.

Atual campeã continental, a Argélia disputa palmo a palmo a liderança de seu grupo com Burkina Faso. As Raposas do Deserto estão à frente graças ao saldo de gols, e nesta sexta o time atropelou mais um oponente: enfiou 6 a 1 sobre Níger, depois de ter feito 8 a 0 em Djibuti na Data Fifa anterior. O primeiro tempo só teve um gol, mas foi uma pintura de Riyad Mahrez cobrando falta. Na segunda etapa, a porteira se abriu. Sofiane Feghouli marcou o segundo, antes dos visitantes descontarem com Daniel Sosah. Mahrez assinalou o terceiro de pênalti, com um gol contra valendo o quarto. Por fim, Islam Slimani seguiu com fome de gols e anotou os últimos dois – com destaque ao derradeiro, depois de uma ótima troca de passes.

O problema da Argélia é que Burkina Faso também chegou aos sete pontos, cumprindo sua parte com os 4 a 0 para cima de Djibuti, em duelo realizado no Marrocos. Abdoul Tapsoba marcou o único do primeiro tempo, de cabeça. Tapsoba também fez o segundo, desviando um chute de voleio na pequena área. O artilheiro serviu o terceiro, de Issa Kabore, antes de Mohamed Konaté fechar a conta. O confronto direto dos burquinenses será na rodada final, sob mando argelino.

No Grupo D, o mais pesado desta fase, a Costa do Marfim manteve sua vantagem sobre Camarões na liderança. Os marfinenses pegaram Malauí em Johanesburgo e venceram por 3 a 0, num jogo em que os anfitriões até deram alguns sustos. Max Gradel abriu o placar no primeiro tempo, mas os outros gols só vieram depois dos 40 da etapa final, com Ibrahim Sangaré e Jérémie Boga, este numa linda jogada da entrada da área.

Já os camaroneses fizeram 3 a 1 sobre Moçambique, dentro de casa. Eric Maxim Choupo-Moting foi o destaque dos Leões Indomáveis, ao abrir o placar de cabeça e ainda anotar o segundo numa falha enorme do goleiro. Karl Toko Ekambi faria o terceiro em nova jogada aérea, antes que os moçambicanos descontassem no fim com Geny Catamo. Costa do Marfim soma sete pontos, contra seis de Camarões. Malauí tem três e Moçambique segura a lanterna com um ponto. O reencontro de Elefantes e Leões Indomáveis acontece na última rodada, com os camaroneses atuando em casa.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo