Brasil

Apesar das críticas, João Paulo segue respaldado na meta do Santos

A participação no pôlemico pênalti cometido sobre Endrick, aumentou a insatisfação de parte da torcida com João Paulo

A participação no polêmico pênalti cometido sobre Endrick, na final do Campeonato Paulista, que terminou com o terceiro título consecutivo do Palmeiras, aumentou a desconfiança de parte da torcida sobre o goleiro João Paulo. Por ser um dos líderes do elenco rebaixado no Campeonato Brasileiro de 2023, essa ala de torcedores não esconde o desejo de ver o jogador, eleito o melhor da sua posição no Estadual, negociado para assim dar uma oxigenada na meta alvinegra. Mas isso, segundo o apurado pela Trivela, não é um dos planos da diretoria para o segundo semestre.

Ainda exercendo o papel de uma das referências do grupo de jogadores, João Paulo continua contando com a confiança da comissão técnica. Por isso, conforme as informações obtidas pela reportagem, a cúpula alvinegra entende não haver necessidade de ir ao mercado buscar um novo goleiro visando a disputa da Série B.

Isso só ocorrerá se o Santos vier a negociar João Paulo. Mas, neste momento, uma transferência parece distante, pois não há qualquer proposta na mesa do presidente Marcelo Teixeira pelo atleta.

Por que essa ala da torcida quer a saída do goleiro?

Revelado nas categorias de base do Santos, João Paulo é, inegavelmente, um bom goleiro. Suas defesas foram determinantes para salvar de alguns vexames antes mesmo da queda do clube para a Série B.

Apesar disso, como o Santos se desfez da maioria dos jogadores que estavam no elenco de 2023, existe a ideia de que o goleiro, que falhou no gol que sacramentou o rebaixamento do Peixe, também busque novos rumos em sua carreira.

A participação no pênalti sobre Endrick, que permitiu ao Palmeiras abrir o placar na final do Paulistão, engrossou esse coro nos arredores da Vila Belmiro.

Gabriel Brazão merece uma chance?

Contratado da Internazionale de Milão no final de fevereiro, Gabriel Brazão foi um pedido do técnico Fábio Carille para fazer sombra a João Paulo. O jogador de 23 anos foi regularizado no Paulistão na reta final da primeira fase, mas ainda não recebeu uma oportunidade.

A sua primeira chance com a camisa santista ainda não tem previsão para acontecer, pois o titular continua respaldado pelo treinador e pelo preparador de goleiros Arzul.

Quando o Santos volta a jogar?

Com o término do Estadual, o Santos segue a sua preparação para a estreia na Série B do Campeonato Brasileiro.

O primeiro adversário do Peixe na competição será o Paysandu, do ‘mini Soteldo’ e do técnico Hélio dos Anjos, na Vila Belmiro, entre os dias 19 e 21 de abril. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ainda irá confirmar as datas e horários das partidas que abrem a disputa.

Foto de Bruno Lima

Bruno Lima

Bruno Lima nasceu em Santos (SP) e se formou em Jornalismo na Universidade Católica de Santos (UniSantos) em 2010. Antes de escrever para Trivela, passou por A Tribuna.
Botão Voltar ao topo