Brasil

Com número de parcelas definido, Santos acerta a compra de Hayner do Azuriz

Santos exerceu a sua preferência de compra e sacramentou a contratação definitiva de Hayner, que pertencia ao Azuriz

O Santos acertou a aquisição do lateral-direito Hayner do Azuriz. Segundo o apurado pela Trivela com representantes paranaenses, o Peixe acertou a compra do jogador de 28 anos por R$ 1,7 milhão a ser pago parceladamente em cinco prestações de R$ 340 mil. Desta forma, o Alvinegro coloca fim na disputa com o Vitória, que também desejava contar com o atleta e apresentou uma proposta de R$ 1,8 milhão à vista. Porém, como tinha prioridade para viabilizar o negócio, o time da Vila Belmiro exerceu esse direito para mantê-lo no clube.

Hayner chegou ao Santos no início da atual temporada, emprestado pelo Azuriz até o fim do ano. Versátil, o lateral-direito correspondeu às expectativas e, por muitas vezes, foi improvisado na lateral-esquerda pelo técnico Fábio Carille.

As boas atuações com a camisa santista renderam ao jogador o prêmio de melhor lateral-direito do Campeonato Paulista, competição em que o Santos terminou como vice-campeão, sendo superado apenas na final para o Palmeiras.

Azuriz preferia negociar com o Santos?

Ainda segundo as informações obtidas pela Trivela, a preferência do Azuriz era fechar o negócio com o Santos para ficar com 100% do valor.

Diferentemente do que aconteceria se Hayner fosse vendido ao Vitória, uma vez que o Peixe teria direito a receber um percentual da venda por conta da taxa de vitrine – porcentagem que o clube que contrata um atleta por empréstimo exige, caso o mesmo seja vendido durante esse contrato temporário.

Como foi o desempenho de Hayner no Santos?

Hayner desembarcou na Vila Belmiro no início deste ano após defender o Coritiba na temporada passada.

Nesta temporada, o lateral disputou 11 partidas, marcou um gol e foi o autor de uma assistência ao longo da campanha que terminou com o vice-campeonato estadual.

Foto de Bruno Lima

Bruno Lima

Bruno Lima nasceu em Santos (SP) e se formou em Jornalismo na Universidade Católica de Santos (UniSantos) em 2010. Antes de escrever para Trivela, passou por A Tribuna.
Botão Voltar ao topo