Brasil

Os três gols contra o Tombense foram apenas a quarta tripleta de Robinho na carreira

Robinho não é um goleador. Nunca foi. Em toda sua carreira, marcou 226 gols em 14 anos de carreira, média de 16 por temporada. Não é um número desprezível, mas também não é uma marca muito alta para um atacante do qual tanto se esperava. De qualquer maneira, essas expectativas já ficaram para trás, e agora Robson tem a missão de brilhar pelo Atlético Mineiro, apenas o segundo clube que defendeu no Brasil.

LEIA MAIS: Dadá Maravilha, 70 anos: Gols, folclore e uma história de vida transformada pelo futebol

Começou bem. No seu terceiro jogo pelo Galo, marcou três vezes na goleada por 4 a 1 sobre o Tombense e deixou a torcida animada. O curioso é que essa foi apenas a quarta vez em toda a sua carreira que Robinho anotou uma tripleta, ou um hat-trick, ou fez barba, cabelo e bigode, ou um truque do chapéu, ou o nome que você quiser dar ao feito de marcar três vezes no mesmo jogo.

Na quinta-feira, Robinho tem uma missão muito mais difícil pela frente. Enfrenta o Colo-Colo, no Chile, e espera pelo menos repetir um pouco da atuação brilhante que teve contra o Tombense

23/02/2005 – Rio Branco 1 x 5 Santos

01/07/2007 – Brasil 3 x 0 Chile

26/10/2008 – Manchester City 3 x 0 Stoke City

06/03/2016 – Atlético Mineiro 4 a 1 Tombense

*Com a ajuda do FutDados

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo