Brasil

Corinthians abre Boletim de Ocorrência após varredura encontrar mais dispositivos de espionagem nas salas da diretoria

Relatório mostra imagens dos equipamentos encontrados, entre eles uma câmera em cima da cadeira da presidência, e um aparelho de áudio no teto da sala da diretoria da base

Depois da primeira vistoria realizada pela gestão do presidente do Corinthians, Augusto Melo, ter encontrado equipamentos de espionagem nas salas de reuniões e da presidência do clube, novos dispositivos foram descobertos em uma nova varredura, desta vez dentro do Centro de Treinamento, tanto do profissional, quanto da base. Todos os aparelhos estavam escondidos em possíveis sensores de presença, e até mesmo dentro do forro do teto dos locais.

A promessa de varredura em todos os setores do clube foi feita por Augusto ainda na época da campanha, mas nunca se imaginou que entre as descobertas estariam equipamentos ilegais de captura de imagem e som dentro das salas onde acontecem negociações e fechamento de contratações tando com atletas, quanto com patrocinadores.

Em nota oficial, divulgada na última quarta-feira (10), a diretoria do Corinthians lamentou o ocorrido, e ressaltou que “não se surpreende com o fato relatado”. Assim que noticiado toda a situação, o ex-presidente do clube, Duilio Monteiro Alves, afirmou que não tinha conhecimento sobre os equipamentos e negou qualquer envolvimento. Além disso, reforçou que poderia ser a vítima da situação:

– Ignoro totalmente a existência de qualquer tipo de equipamento instalado e escondido e repudio veementemente qualquer insinuação de vínculo da minha gestão com coisas desse tipo. Se havia algo monitorando ações, o que não acredito, certamente o alvo era eu – disse Duilio.

Relatoria final da empresa consta novos equipamentos encontrados em outros setores do clube

Nesta segunda-feira (15), o Corinthians divulgou o relatório feito pela empresa contratada pelo clube, que revelou, além do que já tinha sido divulgado, um novo equipamento, desta vez na sala da diretoria que comanda a base do clube. De acordo com nota divulgada, quatro aparelhos foram encontrados:

  • Um sensor de presença, com uma câmera oculta instalada em seu interior, na recepção do quinto andar do prédio administrativo, onde está localizada a presidência do clube;
  • Outro sensor de presença, ainda na recepção, logo acima da porta que dá acesso à sala do presidente, com equipamento adulterado e resíduos de cola em seu interior, aparentando ter sido utilizado para finalidade semelhante do primeiro dispositivo encontrado;
Equipamentos encontrados na varredura feita pelo Corinthians

 

  • Um terceiro sensor de presença com características semelhantes ao anterior — vazio e aparentando ter sido usado para finalidade semelhante — na própria sala do presidente, acima de sua poltrona;
Equipamentos encontrados na varredura feita pelo Corinthians

 

  • Nova câmera oculta dentro de um sensor de presença em uma das salas de reunião do CT da base, à qual estava conectado um gravador de DVR escondido no forro;
Equipamentos encontrados na varredura feita pelo Corinthians

 

Após descoberta, Corinthians optou por fazer Boletim de Ocorrência diante à Polícia Civil

Inicialmente, a diretoria do clube disse que não pretendia levar o caso a polícia, porém, depois da segunda varredura e com os novos equipamentos encontrados, o presidente corintiano foi aconselhado pela sua equipe a registrar queixa, para garantir a lisura do processo. Além disso, a diretoria corintiana entende que essa “espionagem” pode causar insegura diante a futuras negociações que o clube pretende fazer e por isso uma investigação da policial seria essencial.

Veja parte do Boletim de Ocorrência:

Parte do Boletim de Ocorrência registrado nesta segunda-feira (15) pelo Corinthians
Foto de Jade Gimenez

Jade Gimenez

Jornalista, fascinada por esporte desde a infância e transformou a paixão em profissão. Além do futebol, se mantem por dentro de outras modalidades desde Fórmula 1 até NFL. Trabalhou como repórter em TV e rádio cobrindo partidas de futebol, futsal e basquete.
Botão Voltar ao topo