Brasil

Mesmo sem técnico, Corinthians avança por reforços no meio-campo e zaga

A ausência de um treinador, após a demissão de António Oliveira na terça-feira (2), não tem impedido o departamento de futebol do Corinthians de trabalhar.

A diretoria corintiana já tem o diagnóstico de necessidades do elenco e busca avançar em contratações para serem anunciadas assim que abrir a janela de transferências, no dia 10 de julho. 

O volante Alex Santana, por exemplo, está praticamente acertado com o Timão, que vai comprar o atleta em definitivo. A informação foi publicada inicialmente pela jornalista Monique Vilela e confirmada pela Trivela

Alex Santana Athletico-PR
Corinthians está próximo de adquirir 100% dos direitos econômicos do meia Alex Santana (Foto: Icon Sport)

Outro atleta que negocia com o Corinthians é Charles, ex-Internacional, Sport e Ceará, que defende atualmente o Midtjylland, da Dinamarca. A situação está sendo costurada por André Cury, empresário do jogador, que deseja que o atleta volte ao mercado brasileiro.

Há otimismo entre todas as partes para que o negócio saia nos próximos dias. O único entrave neste momento é o acordo financeiro com os dinamarqueses, que pretendem aumentar o lucro em relação a contratação do atleta em 2021. 

Neste momento, a proposta corintiana já é maior do que pago pelos europeus, 900 mil euros (R$ 5,3 milhões, na cotação atual), mas a ideia do Midtjylland é que o acordo saia na casa de 1,8 e 2 milhões de euros (R$ 10,6 milhões a R$ 11,8 milhões). O Timão já acenou que chega ao máximo em 1,5 milhão de euros. 

Além dos dois meio-campistas, o Corinthians busca a contratação de um zagueiro. A ideia é ter uma peça que chegue na condição de titular e potencialize o setor, que hoje tem Cacá, Caetano, Félix Torres e Gustavo Henrique.

Na avaliação interna, todas essas opções seriam potencializadas se atuassem ao lado de um defensor com mais “cascudo”. 

Charles Midtjylland
Time dinamarquês faz jogo duro, mas Corinthians está confiante que negócio por Charles vá sair (Foto: Icon Sport)

Investida por zagueiro é cada vez mais prioridade para o Timão

Com as contratações encaminhadas da dupla de meio-campistas, o Corinthians agora busca ajustar a parte defensiva. 

Em meio aos contatos que o departamento de futebol corintiano tem feito em busca de reforços e até mesmo do novo treinador, o clube recebeu indicações de zagueiros para compor o elenco, mas, até o momento, 

O grande sonho corintiano era ter o retorno de Lucas Veríssimo, que deixou a equipe no início do ano para atuar no Al-Duhail, do Qatar. Esse interesse foi manifestado informalmente por pessoas do clube alvinegro durante contatos recentes com o estafe do atleta.

Porém, neste momento, a situação é tida como devaneio, já que o defensor se transferiu para a equipe do Oriente Médio há somente seis meses. 

Ruan, ex-Grêmio e que atualmente está no Sassuolo, da Itália, foi um nome que esteve no radar. Porém, a avaliação do departamento de futebol corintiano é que o atleta manteria e não elevaria o nível técnico do sistema defensivo, além de ser uma opção com mercado no exterior e, com isso, sairia caro para os cofres do clube alvinegro. 

Ausência de técnico atrapalha mercado do Corinthians?

Liderado por Fabinho Soldado, o futebol do Timão tem se movimentado em busca de reforços independentemente da equipe estar sem treinador no momento. 

O diagnóstico de carências do elenco foi feito ainda quando António Oliveira era o treinador e a linha de avaliações está sendo seguida. 

O desejo é que o novo técnico receba reforços assim que for contratado pelo clube. 

À torcida e aliados políticos, o presidente Augusto Melo fala de três a quatro jogadores com condições de serem titulares. O departamento de futebol corintiano tem sido mais cauteloso e quer equilibrar as pretensões de reforços com a realidade financeira do clube que não é boa.

Foto de Fábio Lázaro

Fábio Lázaro

Nascido em Santos, criado em São Vicente e entregue à São Paulo. Na Trivela desde junho de 2024, como setorista do Corinthians. Passagem pelo Lance! entre fevereiro de 2020 e maio de 2024, onde cobriu Santos e Corinthians. Por lá, também coordenou pautas e estratégias digitais. Atualmente, também é repórter na rádio 9 de Julho, comentarista no programa Esporte por Esporte, da TV Santa Cecília, e narrador freelancer.
Botão Voltar ao topo