Copa do BrasilCopa do Mundo

Coisas mais bacanas que lemos hoje

Primeira gestão de Eurico teve 240 atletas e 1 título

Post de Bruno Guedes, do blog Caldeirão Cruz-Maltino no ESPN FC com uma análise bem interessante sobre a primeira gestão de Eurico Miranda no clube. Entre craques e perebas, teve Romário e Petkovic, mas também Glaydson e Botti.

O Brinco de Ouro, enfim, está prestes a ser vendido

Alexandre Inagaki, do Guarani Enlouquece, também do ESPN FC, fala sobre a tão especulada venda do estádio Brinco de Ouro. O clube tem graves problemas financeiros e esse é um dos maiores patrimônios do clube.

 ‘Arena’ afirma elitização: R$ 600 valem mais que torcer

Mais uma do ESPN FC, desta vez do blog O Periquitão. O texto é de Paulo Silva Jr. e fala sobre a estreia do Allianz Parque. Os preços são salgados e a classificação (ou “rating”, como está sendo chamado) causam polêmica.

Da Lupa mandou ignorar o julgamento de Héverton, disse secretária da Lusa ao MP

No blog Bastidores FC, de Martin Fernandez, no Globoesporte.com, a informação crucial que a diretoria da Portuguesa ignorou propositalmente a informação sobre o resultado do julgamento de Héverton.

Às custas do torcedor, Kalil iguala lucro do Mineirão com final no Independência

Informação do blog Dinheiro em Jogo, de Rodrigo Capelo, no Globoesporte.com, de que a renda líquida que entrou nos cofres do Atlético Mineiro na final da Copa do Brasil foi praticamente igual à que entrou pela semifinal contra o Flamengo no Mineirão. A diferença é que a final foi no Independência, muito menor.

Piauí ainda tem uma obra para a Copa. E ela está 2% pronta

A matéria de Vinicius Konchinski no UOL mostra um dos grandes erros de planejamento da Copa. Uma obra que foi paralisada pelo TCU por irregularidades e que foi recomendado que seja abandonada. A obra não ficará pronta nem mesmo para a Olimpíada.

Matéria de Dassler Marques, no UOL, sobre a empacada renovação de Paolo Guerrero no Corinthians. Segundo a matéria, a divulgação dos números da negociação com o jogador causou atritos políticos e foi premeditada.

Paulo Garcia diz que vai tirar irmão dos negócios do Corinthians se ganhar eleição

Paulo Garcia, membro histórico da política corinthiana, é candidato a presidente do Corinthians e diz que não negociará com seu irmão, que tem parte dos direitos de jogadores como Malcom e Undel. Diz que os jogadores ou serão vendidos, ou terão a parcela dos direitos comprados pelo clube. O texto é do blog Dois Toques, no site da ESPN, de Camila Mattoso e Marcus Alves.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo