Brasileirão Série A

Payet decide com assistências, Vasco vence o Vitória e sai do Z4 do Brasileiro

Com duas assistências de Payet, o Vasco bateu o Vitória por 2 a 1, neste domingo, e voltou a vencer no Brasileiro depois de quatro derrotas seguidas

O Vasco, enfim, voltou a vencer no Campeonato Brasileiro. E Dimitri Payet, que voltou ao time neste domingo (12), teve grande participação para ajudar o time a bater o Vitória por 2 a 1, em São Januário, pela sexta rodada da competição. O camisa 10 foi o responsável pelas assistências para os gols de Maicon e Veggeti, que garantiram o segundo triunfo do Vasco no Brasileiro e tiraram o time da zona de rebaixamento. Yuri Castilho marcou o gol do Vitória, que segue sem vencer na competição.

Vasco entra em campo com três mudanças

Em busca da recuperação neste Campeonato Brasileiro, o Vasco entrou em campo com três alterações importantes. Uma delas, forçada: a entrada de Sforza no lugar do suspenso Hugo Moura. As outras foram o retorno de Payet ao time titular, depois de dois jogos fora para melhorar o condicionamento físico, e a entrada de João Victor. O zagueiro foi improvisado na lateral-direita, posição em que também está acostumado a jogar.

Primeiro tempo ruim gera protestos em São Januário

Mas, mesmo com estas mudanças, o Vasco pouco conseguiu fazer no primeiro tempo. Payet até teve a melhor chance do time no primeiro tempo, obrigando o goleiro Lucas Arcanjo a fazer uma boa defesa, mas nem mesmo o francês conseguiu ser muito efetivo na criação de jogadas. Vale ressaltar, no entanto, que neste lance de Payet, no rebote, o Vasco teve um pênalti não assinalado em falta de Camutanga em Galdames. O árbitro Raphael Claus nem sequer foi revisar o lance no VAR.

Além desta oportunidade de Payet, o Vasco só voltou a ameçar em um chute de fora da área de Galdames, que desviou na zaga e passou perto do gol, e em uma cabeçada de Vegetti, na sua única finalização na direção do gol no primeiro tempo.

O Vitória, por sua vez, apostou nos contra-ataques, principalmente pela lado direito de ataque, com Janderson. O atacante aproveitou bem os espaços deixados por Lucas Piton e deu trabalho para a zaga do Vasco, assim como Matheusinho. Mas o time baiano pecou demais no famoso último passe e também pouco ameaçou o gol de Léo Jardim.

O primeiro tempo ruim do Vasco fez o time ser vaiado após o fim do primeiro tempo. Os torcedores vascaínos ainda cantaram músicas de protesto, como as famosas “ei, Vasco, vamos jogar” e “não é mole, não, obrigação é ganhar no Caldeirão”. Jogadores como o zagueiro Léo e o atacante Rossi também foram vaiados individualmente em alguns momentos da partida.

Payet aparece e decide com assistências

Após um primeiro tempo um tanto quanto apagado, Dimitri Payet precisou de 11 minutos para resolver o jogo para o Vasco no segundo tempo. E em jogadas típicas do camisa 10 e que tanto fizeram falta neste começo de Brasileiro, em que Payet disputou apenas os 45 minutos contra o Criciúma nas primeiras cinco rodadas.

Payet foi o responsável pelo ótima cobrança de escanteio, aos 5′, para Maicon marcar, de cabeça, o gol do alívio para abrir o placar em São Januário. O gol de Maicon aliviou a crescente tensão no estádio e também deu mais tranquilidade para o time, que não demorou para ampliar. Seis minutos depois, Payet recebeu no meio e deu um lindo passe de cavadinha para Vegetti mandar, de primeira, em um “quase-voleio” para as redes e fazer 2 a 0 para o Vasco. Com o serviço feito, Payet acabou substituído aos 20′.

O time da casa seguiu em cima e teve chances de ampliar com David e Sforza, que cobrou uma falta no travessão. Pouco depois, foi a vez do travessão ajudar o Vasco em finalização de Iury Castilho. No fim, aos 43′, o mesmo Iury Castilho até descontou para o Vitória, aproveitando falha de Léo Jardim, que não conseguiu segurar a bola em finalização de Jean Mota e deu o rebote no meio da área. Em um final de jogo confuso, que ainda teve uma expulsão de Camutanga e pouca bola rolando, o Vasco conseguiu segurar o resultado e garantir os importantes três pontos.

Como ficam as situações de Vasco e Vitória?

Com o resultado deste domingo, o Vasco foi aos seis pontos e subiu para a 13ª colocação no Campeonato Brasileiro. Já o Vitória segue com um ponto, na 18ª colocação.

Próximos jogos do Vasco

  • Vasco x Flamengo — Campeonato Brasileiro — sábado, 18 de maio de 2024, 21h (horário de Brasília);
  • Vasco x Fortaleza — Copa do Brasil — terça-feira, 21 de maio de 2024, 21h30 (horário de Brasília);
  • Palmeiras x Vasco — Campeonato Brasileiro —  domingo, 26 de maio de 2024, 16h (horário de Brasília);
Foto de Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues

Gabriel Rodrigues é jornalista formado pela UFF e soma passagens como repórter e editor de Lance!, Esporte News Mundo e Jogada10.
Botão Voltar ao topo