Vanderlei Luxemburgo chegou ao para livrar o time do rebaixamento e o primeiro passo para isso seria cobrar uma nova atitude dos jogadores. O treinador não conseguiu vencer em sua estreia, mas já viu um time com mais vontade neste domingo, em São Januário. E essa nova versão da equipe cruzmaltina correspondeu num jogo essencial, desbancando o no clássico dos ameaçados. Não foi uma partida de encher os olhos, mas os vascaínos foram claramente superiores e construíram uma categórica vitória por 3 a 0, com o placar ampliado no final. Entre os destaques positivos, recobrou sua melhor versão e parece um desses jogadores dispostos a mudar o curso da história do Vasco no Brasileirão 2020. Caio Lopes e Andrey foram outros dois garotos que saíram bem do banco.

Sem surpreender tanto, a partida começou morna. O Botafogo marcava de maneira compacta e o Vasco não gerava grandes lances. Cano levou perigo num chute para fora, mas faltava ação nos primeiros 20 minutos. No entanto, os cruzmaltinos aproveitaram sua chance para abrir o placar aos 22. Numa sequência de cruzamentos, Henrique aproveitou uma sobra e colocou a bola na cabeça de Talles Magno. O garoto subiu bem e deixou os vascaínos em vantagem. Gol para levantar o moral do atacante, bastante elogiado por Luxemburgo no início da semana, com o treinador comprometido em “recobrar seu bom futebol”.

O Vasco continuaria melhor no primeiro tempo. Talles Magno ainda criou uma chance para Cano, que quase ampliou na sequência, mas viu a zaga salvar em cima da linha. Os cruzmaltinos mostravam mais energia e isso fazia toda a diferença em sua superioridade, contra um Botafogo limitado e errando excessivamente nas transições. O jogo se desenvolvia apenas de um lado do campo. Léo Gil quase contou com um gol contra de Kanu aos 35, enquanto Talles Magno era um diferencial aos vascaínos. Num bom lance individual, o garoto bagunçou a defesa adversária e parou em Diego Cavalieri. Os botafoguenses eram inócuos e, quando forçaram uma boa defesa de Fernando Miguel, o lance foi anulado.

Diante do péssimo primeiro tempo, o Botafogo voltou do intervalo com duas mudanças. Eduardo Barroca mandou a campo Bruno Nazário e Kalou, para dar nova força ofensiva ao seu time. O jogo voltaria a cair de ritmo, com o Vasco diminuindo a intensidade e o Botafogo sem se encontrar. Os botafoguenses esboçaram uma reação a partir dos 20, mas ficaram no quase. Kalou foi o primeiro a arriscar, mas Fernando Miguel saiu bem para abafar o chute. Depois, num outro chute do marfinense, Henrique salvou em cima da linha. Os visitantes também tiveram um gol bem anulado, por impedimento de Cícero antes de sua cabeçada. Foi um breve momento de lucidez dos alvinegros, que logo acabaria.

Luxemburgo acionou seu banco neste momento, com as entradas de Jadson e Caio Lopes. O time cresceu e Andrey faria Cavalieri trabalhar pela primeira vez no segundo tempo. Seria um aviso antes de seu gol, aos 32. Numa boa trama com passes de primeira, Cano ajeitou com inteligência, antes de Andrey receber aberto na direita. O volante pegou em cheio na bola e mandou no cantinho. O segundo tento injetou confiança no Vasco, enquanto o Botafogo terminou de desabar. Os botafoguenses foram para uma pressão desordenada, enquanto os vascaínos aproveitavam bem mais os espaços. Assim, no fim, deram o golpe de misericórdia. Depois de Cavalieri pegar um chute de Cano, Pikachu sofreu pênalti. O próprio Pikachu cobrou, vibrando muito na comemoração. A alegria vascaína era justa, diante da boa apresentação.

O Vasco ganha um respiro e se distancia um pouco da zona de rebaixamento. Os cruzmaltinos chegaram aos 32 pontos, a três do Z-4, ultrapassando o Fortaleza para assumir o 15° lugar. A chegada de Luxa parece ser benéfica à salvação. O Botafogo, por outro lado, vê sua missão se tornar bastante difícil e precisa de uma transformação. Estacionado com 23 pontos há três rodadas, o antepenúltimo colocado agora ficou a nove pontos de sair da zona de rebaixamento. Pelo futebol pobre deste domingo, é muito difícil de acreditar em uma reviravolta.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore