O grande vencedor da rodada do Brasileirão ao final do domingo é o . Os colorados tinham um compromisso para seguir acelerando na tabela, por mais que o venha em recuperação e tenha saído da lanterna. Dentro do Beira-Rio, o time de Abel Braga não desperdiçou a oportunidade. Apesar das dificuldades, o time da casa ganhou por 1 a 0 e emendou a quinta vitória consecutiva, ampliando seu momento de recuperação. Com os tropeços de São Paulo, Flamengo e Grêmio, falta apenas o Atlético Mineiro também perder nesta segunda-feira para coroar o final de semana excelente ao Inter.

O primeiro tempo não teria tantas emoções em seu início. O Internacional encontrava dificuldades para romper a marcação do Goiás e precisava apostar nos cruzamentos. A melhor chance dos colorados no início viria com Galhardo, em cabeçada para fora. Em compensação, Shayllon também ameaçou pouco depois numa batida de fora da área. Por mais que o Inter se mantivesse à frente, demonstrava problemas para conseguir finalizar. E os goianos assustaram com Jefferson, num cruzamento à pequena área que ninguém completou. O lance acordou um pouco os gaúchos, que voltaram a dar trabalho a Tadeu na sequência, quando o goleiro mandou para fora uma cobrança de falta venenosa de Moisés. Logo depois, Dourado ainda tentou fazer na cobrança de escanteio e errou o alvo.

O gol do Inter surgiria mesmo numa bola parada. Aos 42, Rodinei cobrou escanteio pela direita e mandou a bola para dentro. Cabeçada de manual do garoto, que anotou seu primeiro gol pela equipe principal. Assim como na rodada anterior, a base teria papel decisivo à vitória. Antes do intervalo, o Goiás ainda poderia ter empatado. Numa sequência de arremates, Rafael Moura até mandou para dentro em rebote de Lomba, que se desdobrava para salvar. Porém, o VAR flagrou um impedimento mínimo do centroavante, o que anulou a jogada. Já nos acréscimos, Abel Braga perderia Thiago Galhardo, que sentiu a panturrilha e foi substituído por Abel Hernández.

Durante o segundo tempo, o Inter tentou administrar mais o resultado. Diante da acomodação dos colorados, o Goiás acionou seu banco e partiu mais ao campo de ataque com o passar dos minutos. Assim, os colorados teriam suas melhores chances nos contragolpes. Praxedes quase anotou mais um aos 23, numa trama rápida dos gaúchos. Patrick cruzou e o garoto bateu de primeira, direto para fora. Os goianos também levariam perigo num chute de Fernandão que Lomba pegou e num cruzamento de Índio que o goleiro soltou no travessão, quase frangando. Lomba se redimiria na sequência, para evitar o chute de Vinícius na pequena área. Apesar disso, o Inter preservou a vantagem e poderia ter matado o jogo no fim, em outro contragolpe. Marcos Guilherme carimbou Tadeu, mas o tento não fez falta.

Com 15 pontos nas últimas cinco rodadas, o Internacional salta aos 53 pontos. Está isolado na segunda colocação, três pontos atrás do São Paulo. No entanto, os colorados também precisam prestar atenção no Atlético Mineiro e no , que poderão alcançá-los com os jogos a menos. Apesar disso, o momento favorece o time de Abel Braga, que tende a chegar em alta nos confrontos diretos contra o São Paulo e o Grêmio. Antes disso, os gaúchos pegarão o Fortaleza na próxima rodada. Já o Goiás fica na antepenúltima colocação, ainda com esperanças de salvação. A apresentação no Beira-Rio enfatiza como a atitude dos esmeraldinos agora é outra.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore