Campeonato Brasileiro

O contestado Sidão foi decisivo em uma vitória crucial do São Paulo

O São Paulo não fez uma grande partida contra o Sport e poderia ter deixado o Morumbi sem os três pontos que tanto precisava para continuar fugindo do rebaixamento. No segundo tempo, principalmente, foi pressionado pelos visitantes e quase levou o empate nos minutos finais. Não levou graças ao seu goleiro e esta foi a grande novidade da vitória por 1 a 0 do Tricolor, gol de Marcos Guilherme.

LEIA MAIS: Nas arquibancadas, desempenho de título. Em campo, São Paulo melhorou, mas ainda deve

Sidão foi contratado no começo do ano, a pedido do técnico Rogério Ceni, por – teoricamente – ser um goleiro com mais facilidade para atuar com os pés. O ex-jogador do Botafogo, porém, não se firmou no time titular. Dênis teve suas oportunidades e também não agradou. Quem acabou tendo uma sequência maior foi Renan Ribeiro, até Dorival Junior optar por restaurar Sidão entre os titulares, contra o Avaí, em agosto.

Alguns erros de Sidão, inclusive saindo com a bola, não abalaram a confiança de Dorival em seu goleiro, e ela foi recompensada neste domingo, com duas defesas muito difíceis e cruciais contra o Sport. Já nos acréscimos, Sidão espalmou uma cabeçada de Thomás para cima do travessão e, no escanteio seguinte, foi ao canto buscar a tentativa de Henríquez.

Pela primeira vez neste Campeonato Brasileiro, o São Paulo chegou a quatro jogos sem ser derrotado: empates contra Ponte Preta e São Paulo e vitórias diante do Vitória e do Sport. Alcançou os 31 pontos, um acima da zona de rebaixamento, mas a situação está bem embolada: apenas quatro pontos separam o oitavo colocado, o Atlético Paranaense, da zona da degola.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo