Brasileirão Série A

João Ricardo tem noite de herói em Itaquera, e Corinthians fica no empate com o Fortaleza

Goleiro da equipe nordestina faz defesas decisivas, e Timão fica no empate sem gols em casa

Poderia ter sido dois, três, ou até mesmo uma goleada do Corinthians na noite deste sábado (4). No entanto, o Timão ficou no zero a zero diante do Fortaleza, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro, na Neo Química Arena. A grande estrela da noite foi João Ricardo, goleiro da equipe nordestina, que fez defesas espetaculares e segurou o ataque alvinegro.

O Timão assume a 12ª posição na tabela do Brasileirão, com cinco pontos somados, enquanto o Fortaleza, 10º colocado, fica com seis.

O que aconteceu na partida?

Primeiro tempo

  • Corinthians foi muito superior ao Fortaleza, com 63% de posse de bola e nove finalizações;
  • Romero quase abriu o placar, aos 12 minutos, mas João Ricardo fez bela defesa no cantinho esquerdo;
  • Breno Lopes desperdiçou a melhor chance do Fortaleza de abrir o placar, cara a cara com Carlos Miguel, aos 14 minutos;
  • Raniele teve a melhor chance, aos 23 minutos, em uma bela cabeçada após cruzamento de Wesley. João Ricardo fez uma defesa espetacular à queima-roupa;
  • Garro chutou muito bem de fora da área, mas o goleiro do Fortaleza defendeu mais uma vez, aos 30 minutos;
  • Romero cobrou falta colocada, aos 33 minutos, e acertou a rede pelo lado de fora;
  • Raniele recebeu o terceiro cartão amarelo no Brasileirão, por falta dura em Pochettino.

Segundo tempo

  • Matheuzinho entrou no lugar de Gustavo Mosquito, que teve um quadro de virose durante a semana;
  • Hugo mandou um chutaço, aos 6 minutos, em cima de João Ricardo. O goleiro fez mais uma defesa incrível, e a bola ainda pegou na trave antes de sair para escanteio;
  • Aos 9 minutos, Félix Torres cabeceou para o chão após cobrança de escanteio, mas o goleiro leonino se esticou todo para defender outra;
  • Giovane, que saiu do banco de reservas, levou uma cotovela, e chegou a sangrar em campo.

Corinthians estreia camisa blecaute

Antes de a bola rolar na Neo Química Arena, o Corinthians realizou uma ação especial para estrear o seu novo uniforme para a temporada 2024–25. Ao contrário do que ocorre na maioria das vezes, o Timão utilizou em casa a camisa dois, de visitante, apelidada de “blackout”. A estreia do novo manto totalmente preto é para destacar a campanha realizada pelo clube em parceria com a Nike, fornecedora de material esportivo, intitulada “Nossa história é uma página em preto”.

João Ricardo segura ataque alvinegro

O Timão comandou a primeira etapa de jogo com muita intensidade no ataque. Foram nove finalizações, sendo quatro em direção ao gol de João Ricardo. No entanto, o arqueiro leonino estava em uma noite inspirada e fez três defesas decisivas, sendo uma delas à queima-roupa, na cabeçada de Raniele.

— Fico feliz, num momento que o time precisou eu consegui segurar. Não consigo nem explicar como saiu, foi um reflexo — disse João Ricardo ao Premiere, na saída para o intervalo.

No segundo tempo, o camisa 1 do Fortaleza voltou a fazer excelentes defesas e garantiu o placar zerado até o fim da partida.

Raniele leva o terceiro amarelo

O volante Raniele vai cumprir suspensão na próxima rodada do Brasileirão, em partida fora de casa contra o Flamengo, no Maracanã, após levar o terceiro cartão amarelo. O jogador fez falta dura em Pochettino, ainda no primeiro tempo.

Próximos jogos do Corinthians

  • Nacional x Corinthians — 4ª rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana — Defensores del Chaco — terça-feira, 7 de maio, às 19h (horário de Brasília);
  • Flamengo x Corinthians — 6ª rodada do Campeonato Brasileiro — Maracanã — sábado, 11 de maio, às 16h (horário de Brasília);
  • Corinthians x Argentinos Juniors — 5ª rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana — Neo Química Arena — terça-feira, 14 de maio, às 21h30 (horário de Brasília).
Foto de Livia Camillo

Livia Camillo

Formada em jornalismo pelo Centro Universitário FIAM-FAAM, escreve sobre futebol há cinco anos e também fala sobre games e cultura pop por aí. Antes, passou por Terra, UOL, Riot Games Brasil e por agências de assessoria de imprensa e criação de conteúdo online.
Botão Voltar ao topo