Brasileirão Série A

Cuiabá começa o Brasileirão perdido, sem técnico e podendo cair pela 1ª vez

Tetracampeão mato-grossense, Cuiabá confia na dupla Pitta e Deyverson, mas ainda terá de se adaptar a um novo técnico, que chegará durante o Brasileirão

‘Dono’ de seu estado por mais um ano, o Cuiabá chegará com uma base bastante sólida se tratando de jogadores, mas a forma de jogar da equipe ainda é um mistério para o Campeonato Brasileiro. Mesmo tendo vencido no último fim de semana o Campeonato Mato-Grossense pela quarta vez seguida, como o Cuiabá se apresentará é repleta de mistérios e prováveis mudanças no comando técnico.

O treinador atual do Cuiabá é Luiz Fernando Iubel, que assumiu a vaga de António Oliveira, quando o português rumou ao Corinthians. Com apenas 35 anos, ele está no Dourado desde 2021, e foi auxiliar técnico não só do português, como também de Alberto Valentim, Pintado e Ivo Vieira, e agora assumiu o seu primeiro trabalho como técnico, mesmo que por pouco tempo.

Em entrevista recente ao SBT, Cristiano Dresch, presidente do Cuiabá, afirmou que apesar das dificuldades em encontrar um novo nome, o objetivo é contratar um treinador mais experiente, descartando manter Iubel como técnico efetivado, mesmo com ele tendo comandado a equipe que foi tetracampeã mato-grossense no último fim de semana.

Como o Cuiabá foi no Brasileirão de 2023?

Se comparado ao ano de 2023, no qual o time terminou com uma confortável 12ª posição e com vaga na Copa Sul-Americana sob o comando de António Oliveira, pouca coisa mudou no time titular, com apenas a saída de Raniele para o Corinthians. Entretanto, o time alvinegro buscou também António Oliveira ao longo de 2024, o que pode mexer com o brio e também o esquema do Cuiabá para o Brasileirão de 2024. Com o português, o experiente elenco de atletas como Walter, Clayson, Deyverson e Alan Empereur tentava propor o jogo, e alternava do 4-3-3 para um 4-4-2, aproveitando Isidro Pitta, inicialmente aberto pela ponta, indo jogar mais adiante ao lado de Deyverson.

O Cuiabá vai brigar pelo meio da tabela, mas tendo cuidado com o Z-4

Mesmo tendo contratado o experiente Bruno Alves para a defesa e o jovem Guilherme Madruga, campeão do Prêmio Puskás do ano passado, é possível que o Cuiabá esteja no lucro se fizer novamente uma campanha de meio de tabela assim como a do ano passado. Não falta experiência para o seu time titular, repleto de atletas tarimbados no futebol brasileiro. Entretanto, a procura por um treinador pode atrapalhar o processo, já que o novo comandante entrará no clube já com o Brasileirão rolando, tendo que adaptar o elenco às suas ideias já com o carro andando. Uma missão difícil, que pode fazer com que o Cuiabá, se não ficar esperto, possa brigar para não cair.

Principais destaques do Cuiabá no Brasileirão 2024

Deyverson: identificado com a torcida do Palmeiras pelo gol heroico da Libertadores de 2021, Deyverson vem sendo o grande astro do Cuiabá desde a sua chegada. E em 2024, vive talvez o seu melhor início de temporada. Dos 13 jogos em que participou até agora, o centroavante de 32 anos fez 6 gols e deu 6 assistências, sendo em números o atleta mais efetivo do elenco do Dourado. Seu estilo irreverente e decisivo pode fazer a diferença em momentos mais difíceis.

Isidro Pitta: Se Deyverson faz a diferença como referência, pelos lados e em projeção à área, Pitta também é outro jogador que se destaca. O paraguaio chegou ao Cuiabá em 2023, e foi um dos destaques da equipe seja pelos gols, pelas assistências, e também por ser bastante voluntarioso ao brigar pela bola. Com 1,83 e apenas 24 anos, o paraguaio tem tudo para seguir evoluindo, ser o protagonista do time e ainda render um bom dinheiro para o Dourado em uma futura venda.

Guilherme Madruga: Ao lado de Deyverson, provavelmente o jogador mais conhecido em um contexto mundial do elenco do Cuiabá é Guilherme Madruga. O volante ganhou o último Prêmio Puskás, e chegou a Mato Grosso neste ano após ser destacar pelo Botafogo-SP. Em sua primeira experiência em um time da elite do Brasileirão, o volante ainda luta para buscar um espaço e ser o substituto de Raniele no meio-campo. Por ter apenas 23 anos, é provável que ele consiga a posição de forma definitiva ao longo do torneio.

Qual estilo de jogo do Cuiabá com Luiz Fernando Iubel?

O treinador vem mantendo o 4-3-3 implementado por António Oliveira, mantendo a mesma base. Em jogos mais difíceis, a equipe pode atuar também com 3 zagueiros, deixando Deyverson e Pitta mais adiante. Como o elenco é cheio de jogadores experientes, os atletas se adaptam rapidamente ao adversário, auxiliando o trabalho do inexperiente treinador e será essencial nas primeiras rodadas, antes do próximo treinador do Dourado assumir de vez o comando da equipe.

Onde assistir aos jogos do Cuiabá no Brasileirão?

Os jogos do Campeonato Brasileiro de 2024 serão transmitidos pela Rede Globo na TV aberta, SporTV na TV fechada e Premiere no pay-per-view. Em caso de partidas nas quais o Athletico Paranaense for o mandante, a transmissão acontecerá na TNT ou CazéTV.

 

Foto de Vanderson Pimentel

Vanderson Pimentel

Jornalista formado em 2013, e apaixonado por futebol desde a infância. Em redações, também passou por Estadão e UOL.
Botão Voltar ao topo